20:04Dente de ouro

Do blog Cabeça de Pedra

Enfiaram uma faca na minha boca. Arrancaram um dente. Tudo a sangue frio. Não fiz nada. Não sou culpado. Mas é assim mesmo na vida. Um dia você sorri e no outro dia tem que que se trancar em casa para não mostrar o buraco dentro do buraco da boca. Lembrei da história do amigo que, num hotel nos Estados Unidos, foi escovar os dentes e um deles caiu e sumiu no encanamento da pia do banheiro. Ele desmontou tudo na esperança de achar o tal. Achou. E colou. Mas o estrago no banheiro resultou numa inundação no apartamento de baixo. Parece história do Hunter Thompson chapado. Fui ao dentista. Ele primeiro falou do preço do dente postiço. Pedi um de ouro. Ele disse que não se faz mais isso. Dobrei o valor. Depois de colocado, vou pegar quem me enfiou a outra faca. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>