21:36Genética histórica infeliz

Quando se observa o universo partidário, a fatalidade fica mais clara. PMDB, PT, PSDB, PP, PTB e que o mais for não são apenas siglas, e sim o sequenciamento de uma genética histórica infeliz. Os políticos brasileiros não estão divorciados da maioria dos eleitores, sejam eles pobres, remediados ou ricos. São a expressão máxima das suas ambições e dos seus apetites.  Estamos condenados a ser ávidos, libertinos, melancólicos. (Mario Sabino)

21:10Atraso

A agenda do deputado federal Rodrigo Maia em Curitiba se resumiu ao encontro com o governador Beto Richa. Ele se enroscou em São Paulo nas conversas com Geraldo Alckmin e João Dória, desembarcou na província com uma hora de atraso e já foi dizendo que tinha compromisso ainda hoje em Goiânia. Foi para o espaço o encontro com peemedebistas no escritório do deputado Sergio Souza e o jantar que estava programado. Coisas de campanha.

20:53Big Frango, big empréstimo, big propina

Do jornal O Estado de São Paulo

O empresário Evaldo Ulinski, ex-dono do Big Frango, uma das empresas investigadas na Operação Cui Bono?, disse em duas entrevistas ao Estado que Lúcio Bolonha Funaro e operadores dele lhe ofereceram um empréstimo de R$ 100 milhões na Caixa Econômica Federal, com condições especiais. Cobrariam 10% sobre do valor do financiamento, a título de comissão, para facilitar a liberação dos recursos. Mas havia outra opção. Se o empresário aceitasse dar uma comissão maior, de 30%, não pagaria o empréstimo. “Era 10% para você pagar e 30% para nunca mais precisar pagar. As palavras deles”, disse Ulinski ao Estado.

A história contada por Ulinski traz detalhes de como eram os bastidores de um esquema que previa a liberação de financiamentos irregulares na Caixa em troca de propinas, o alvo central da Operação Cui Bono?, deflagrada na sexta-feira.

Segundo o Ministério Público e a Polícia Federal, o ex-presidente da Câmara dos Deputados Eduardo Cunha, Geddel Vieira Lima – ex-ministro do atual governo de Michel Temer –, além de Funaro, operaram um esquema de fraudes na liberação de créditos da Caixa, que teria ocorrido pelo menos entre os anos de 2011 e 2013. Neste período Geddel era vice-presidente de Pessoa Jurídica do banco estatal, área que libera financiamentos para empresas.

Ulinski recebeu uma proposta para ter crédito na Caixa e foi ao escritório de Funaro. Contou que chegou a assinar um documento manifestando interesse em contratar Funaro para intermediar o crédito e feito cadastro na Caixa. Ele disse que as condições apresentadas eram tentadoras: “Preço bom, prazo bom, dez anos, 12 anos”, lembrou. “Conseguiria o empréstimo com custos baixíssimos. Eu não me recordo a que juros.”

As tratativas, porém, não teriam avançado. “Naquele momento, eu até aceitaria, porém, tendo mais informações, desisti. Com mais conversa, eu vi que eu ia ter problemas no futuro.”

Continue lendo

17:05O encontro

Rodrigo Maia desembarca logo mais no aeroporto Afonso Pena para fazer campanha para permanecer presidente da Câmara dos Deputados. Não vem de jatinho da FAB, mas sim de avião fretado. Depois do encontro com Beto Richa, tem reunião no escritório do deputado Sergio Souza. No entorno, vai ser interessante saber como foi o encontro do deputado federal João Arruda com Orlando Pessuti, diretor do BRDE. Os dois são do mesmo partido, mas o primeiro é sobrinho de Roberto Requião e seu porta-voz, enquanto o outro é inimigo quase mortal. Isso é política!

16:48Fez que foi

A Willians anunciou Felipe Massa como piloto da equipe para a temporada de 2017. Ele tinha anunciado sua despedida no final do ano passado. Na Boca Maldita a notícia fez ele ganhar o apelido de Silvio Caldas da Fórmula 1.

16:42Na Linha do Conhecimento

Em março a prefeitura de Curitiba lança a “Linha do Conhecimento”, aproveitando o aniversário da cidade. Os espaços a serem utilizados serão as Ruas da Cidadania e as Casas de Leitura. Hoje o prefeito  prefeito Rafael Greca se reuniu com a secretária da Educação, Maria Silvia Bacila Winkeler, e o presidente da Fundação Cultural de Curitiba, Maurício Appel, para tratar do assunto. “Queremos a Cultura descentralizada, em movimento. Queremos a Educação além da sala de aula”, disse o prefeito. A conferir.

16:17O discurso e a disputa

Do analista dos Planaltos

No discurso feito hoje no Palácio 29 de Março. Beto Richa disse que “esteve afastado da casa do povo de Curitiba” por culpa do ex-prefeito. É bem provável que o governador veja em Gustavo Fruet um adversário em sua luta para conseguir uma das vagas ao Senado em 2018. Mas esquece que há munição para mostrar que ele  virou as costas à população curitibana ao adotar medidas que prejudicaram a cidade. Ao que se sabe, Fruet nunca viu nele um inimigo, uma vez que em diversas ocasiões – e sempre que chamado, atravessou a praça para ir ao Palácio Iguaçu.

 

16:10Lembranças

por Fernando Muniz 

        A barba branca e a rapidez com que circula entre as lápides mostra ser longo o tempo que o traz até ali. Longe das alamedas mais vistosas e seus generais, políticos e senhoras distintas, ele para junto às covas de quem não possui nome ou registro, rente ao muro dos fundos, sob um sol de janeiro, sem nuvens.

Avô, pai, tio, neto, filho ou marido, pouco importa; estende os braços e começa a murmurar uma reza, sem lágrimas ou gestos bruscos, de costas para o mundo, junto àquele túmulo sem lápide. Prece automática, aprendida não lembra mais onde, carregada de palavras solenes. Feita para ser atendida; é o que espera.

Encosta-se ao muro. O suor se mistura à argamassa desprendida dos tijolos e marca a sua testa, queimando-a. Tal qual memória, companheira naquela manhã sem brisa.

Termina o ritual, apanha uma flor murcha e a coloca sobre o túmulo que imagina ser o certo. Continuará a vir, enquanto puder. Como seus antepassados faziam. Como fariam quem partiu antes dele.

Se não vier, deixarão de existir. Ele também.

15:35O que será transmitido

Do blog do H. Lucas

O campeonato paranaense de 2017 será transmitido pela Globo em rede estadual e quem se recusou a assinar o contrato foi o Coritiba e Atlético Paranaense, que acharam que mereciam mais dinheiro que o Barcelona e Real Madrid. Os 10 outros times – Foz do Iguaçu, Paraná, Londrina, Toledo, Cascavel, Rio Branco, JMalucelli, Prudentópolis, PSTC Cornélio Procópio e Cianorte vão ter suas partidas exibidas aos domingos. É o primeiro caso no Brasil em que a Globo manda às favas os ‘dois maiores’ times de um estado e acerta a transmissão sem a garantia de uma final que possa ser transmitida. A arrogância dos dirigentes curitibanos é monumental, se acham o Bayern ou o Borussia, ou um Flamengo e Corinthians. Quem perde são eles – pois vou assistir na telinha da Globo o time do Foz contra o Londrina numa boa, enquanto eles escondem os patrocinadores deles – Caixa Econômica Federal entre eles. Perderam playboys!

Pitaco: Do Londrina o Wendel foi para o Bayer Leverkusen, do JMalucelli o Jucilei foi para o Corinthians, do PSTC saiu Kleberson que foi campeão na Copa do Mundo de 2002, do Cianorte saiu o herói da Chapecoense o goleiro Danilo, do Paraná saiu Ricardinho que serviu á Seleção brasileira, do Foz temos o Safirinha no Londrina. Portanto, temos craques a revelar sempre.

15:32Candidato

Nas catacumbas dos bastidores da política da província tem muita gente acreditando que, na hora h, o senador Alvaro Dias (PV) vai se apresentar como candidato ao governo do Paraná. A conferir.

14:53O fim e a bosta de cavalo

Ao ouvir a conversa de que na prefeitura se fala em acabar com URBS e COMEC após a criação da tal Agência Reguladora, um sábio municipal disse que estão esquecendo que ambas têm outras atribuições e competências que vão além do gerenciamento do transporte. Para arrematar, lembrou a história do piá que viu bosta de cavalo na porta da casa e entrou gritando para o pai: “Onde está o cavalo que eu ganhei?