6:47O Estado de Direito a torto e a direito

O presidente da APP-Sindicato, Hermes Leão, disse que está havendo uma “ação combinada entre Executivo e Legislativo, reforçada pelo Judiciário, de quebra do Estado de Direito”, e que, “infelizmente, estamos de volta à ditadura”, ao falar sobre o esquema de policiamento montado para proteger, a partir de hoje, o prédio da Assembleia Legislativa onde os deputados votarão as modificações da ParanaPrevidência. Hummmmmmmmmm. Leão comanda um sindicato que marcou mais uma greve de professores em todo o Paraná para protestar contra as mudanças. É um direito democrático. Na última vez que aconteceu isso, as aulas do ano letivo só começaram depois de um mês de paralisação e durante as manifestações houve invasão e depredação da sede do Legislativo, o que, pelo que se depreende das palavras do sindicalista, não é quebra do Estado de Direito. Pergunta-se se é o que se pretende fazer hoje para evitar a votação, não se questionando aqui se a aprovação ou reprovação é correta ou não. Entre um episódio e outro houve negociações e numa delas, sobre o assunto específico, ou seja, as mudanças da ParanaPrevidência, o criador do sistema, Renato Follador, segundo palavras dele aqui publicadas,  “o projeto que está em andamento na Assembleia Legislativa do Paraná não é a solução ideal, mas a possível – pela situação que está aí”. Ele também disse que “os próprios sindicatos e o atuário deles concordaram com isso na exposição que fez no Legislativo”. Isso aconteceu na audiência pública da semana passada. Em uma semana tudo mudou? Ou melhor: só o sindicato dos professores mudaram de opinião? Estranho tudo isso. Se a APP-Sindicato juntar 50 mil pessoas na praça, como alardeia, teria condições de mantê-las apenas no protesto sem invasão dos aloprados de sempre que defendem este tipo de “Estado Democrático?” O Paraná está tão quebrado quanto o Brasil e tanto aqui como lá houve má gestão e também uma maquiagem sem precedentes no período que antecedeu as reeleições. Deu no que deu, mas não é invadindo, quebrando e colocando na frente de qualquer manifestação a bandeira ideológica que se vai conseguir modificar as coisas, muito pelo contrário.

7 ideias sobre “O Estado de Direito a torto e a direito

  1. Sergio Silvestre

    Então,eu acho que a população 90% encheu o saco com esse (governador?) Eu tenho duvidas se vai terminar o mandato e fico aqui pensando,os administradores de Curitiba antes do Beto deve ter feitos muita coisa pela cidade para que esse sujeito assumisse e conseguiu ficar 5 ou 6 anos administrando sendo até reeleito,peova que propaganda e muitos blogueiros em redes sociais enchendo bola,elegem até carrapicho para qualquer coisa,mas agora transbordou,parece que o cara é ruim demais ele mostrou a cara,nem os propagandistas bem pagos conseguem dar jeito.Já era esse governo,que coisa feia.

  2. Matusalem

    Parece haver muita dificuldade de alguns em respeitar o jogo democrático! Se as coisas não andam conforme o meu desejo tenho que operar mudanças, por óbvio, entretanto, existindo regras formalmente definidas e aceitas por todos só o curso normal do tempo dará condições para tal desiderato. Claramente existem aqueles que “trabalham” pelo “quanto pior,melhor”, para criarem artificialmente um “clima” de colapso e assim conquistarem um falso apoio para a “causa”. Vão quebrar a cara! A massa de manobra não se ilude mais com bravatas e falta de conteúdo!

  3. Pensador...

    Nossa!! o Sergio Silvestre esta em todas, sempre defendendo os petralhas!!! Nao adianta a pelegada no Parana nao se cria, salvo uns e outros…..A vitoria do Beto Richa so demonstra o quanto vocês (PeTralhas, Lambe sacos, RPC, Requianistas etc) sao fraquinhos!!

  4. Oto Lindenbrock Neto

    Ok. Estado de Direito segundo a interpretação do governante de plantão é tungar o fundo previdenciário dos servidores utilizando a “legalidade da assembléia” e blindando os “representantes do povo” com um aparato militar poucas vezes visto no Paraná. Ao fim desta semana vamos ver como o verbete “Beto Richa” será escrito na Wikipédia e nos livros de história. Parece que o filho do democrata José Richa escolheu um forma diferente de ser lembrado no futuro.

  5. leandro

    Todos já encheram o saco, o governador, a presidente, os professores e a esses acho que devem procurar seus direitos junto com as pensionistas do INSS e voltarem para a sala de aula . Também podem escolher levar uma camaçada de pau da polícia por não estarem nas salas de aula, Porra ! Essa turma já passou dos limites, usam as crianças como meio de pressão ao governo.

  6. Sergio Silvestre

    Bacana ,legal leandrrrro,seus filhos netos e bisnetos devem vibrar com que você escreve.e mais alguns ai também,pregam tanto a probidade nos seus comentários e quando chega no governador,que deve bater todos os recordes de mal feitos,e sentar o pau nos professores e tungar sua caixa de aposentadoria.
    Pergunto a vocês,se tem uma empresa e todo mes coloca numa poupança parte das indenizações como ferias etc logo fica em dificuldade,sua renda não paga os custos da empresa,você vai tungar o dinheiro que é dos seus funcionários?

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>