9:25Tristeza e alegria

Do analista dos Planaltos

O pessoal de Londrina não entendia por que André Vargas, todo poderoso cardeal petista, o casal de ministros Paulo Bernardo e Gleisi Hoffmann e o ex prefeito Nedson Micheletti (até hoje assessorando a presidência da Caixa) influentes no marketing da CEF, não trabalharam para que o time da cidade, mais conhecido como Tubarão, tivesse o patrocínio do banco estatal na camisa do clube como fizeram com o ASA de Arapiraca (apadrinhado por Fernando Collor) ou a Chapecoense (abençoados pelos petistas Ideli Salvatti, Pedro Uczai e Claudio Vignatti). Deu tristeza e até raiva. Mas agora, é só alegria de não estarem envolvidos na lambança da família Vargas e não precisarem dar eternas explicações ao respeitável público pela mãozinha leve dos poderosos.

Uma ideia sobre “Tristeza e alegria

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>