9:51Aécio e Cunha procuram Antonio Figueiredo Basto

Da coluna Painel, Folha de S. Paulo:

Direto na fonte - O presidente do PSDB, Aécio Neves (MG), entrou em campo para rebater a acusação de que o ex-governador de Minas Antonio Anastasia, um de seus principais aliados, teria recebido R$ 1 milhão a mando do doleiro Alberto Youssef, preso na Operação Lava Jato. Aécio fez chegar ao advogado de Youssef, Antonio Figueiredo Basto, uma consulta sobre se o doleiro deu dinheiro a Anastasia. Nesta segunda-feira, a defesa do doleiro vai apresentar à Justiça uma petição isentando o tucano.

Tira-teima - Eduardo Cunha (PMDB-RJ) também procurou Figueiredo Basto em busca de informações sobre o depoimento de Youssef. Peemedebistas dizem que o advogado do doleiro relatou não haver menção a Cunha.

Sem chancela - Aliados de Anastasia e de Cunha usam o mesmo argumento para defendê-los: o de que a Justiça não deu ao policial Jayme Alves Oliveira Filho o benefício da delação premiada.

Uma ideia sobre “Aécio e Cunha procuram Antonio Figueiredo Basto

  1. Sergio Silvestre

    Que vocês acham hein????????Isso já não virou baderna essa delação?
    Deveriam pegar todos estes delinquentes que dizem uma coisa depois desmentem,ou os jornalistas que dizem as verdades petistas e as mentiras tucanas.
    Ora,já foi desmentido um monte,esse advogado mesmo falou a viva voz que o Sergio Guerra pegou 10 milhões e que dois políticos do PSDB com residencia eleitoral em Londrina são beneficiários do esquema.
    O que vocês acham,essa delação premiada está viciada por controvérsias .alguém está mentindo,ou colocando panos quentes para encobrir alguém.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>