8:23O lagarto do Tezza

por Helio Teixeira

 

Nos idos de 60 do século passado o jornalista Fernando Pessoa Ferreira detonou a crônica “Curitiba, a fria, onde Jãnio comia moscas” desancando nossa cidade, as polacas de pernas grossas (cadê elas?), a “simpatia” que nutrimos pelo alienígenas que aqui aportam e outros tridentes. Agora, com essa canícula senegalesca, o genial Cristovão Tezza que,volta e meia, às terças, lembra do seu amigo lagarto residente na Praia de Gaivotas, poderia atraí-lo. Com uma crônica sobre sua (a do lagarto) mudança do litoral para o Bacacheri, tomando o lugar da vaca Cherry debaixo de 31 graus. Em maio, ele (o lagarto), pega o ônibus da Graciosa e volta ao seu habitat.

Uma ideia sobre “O lagarto do Tezza

  1. Simon Taylor

    “Canícula senegalesca” é uma típica expressão “HélioTeixeirana”. Quem viveu algum tempo ao lado deste grande jornalista foi brindado com termos inspirados como este para enriquecer a vida. A luta continua, companheiro! kkkkkkk

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>