11:5230 leitos

A UFPR informa:

 

A direção do HC está reabrindo nesta terça-feira (03) mais 30 dos 94 leitos que foram desativados há dois meses por determinação do Ministério Público. De acordo com o reitor Zaki Akel sobrinho, uma reorganização nas escalas de trabalho dos funcionários permitiu que esses leitos fossem reativados agora.

Outros 14 já haviam sido reabertos no mês passado. Ainda há 50 leitos fechados e que dependem de novas reorganizações internas e dos acordos que estão sendo fechados com a Prefeitura de Curitiba para voltarem a receber pacientes.

Os setores que passam a ter mais leitos a partir desta terça-feira são obstetrícia, otorrinolaringologia, oftalmologia, transplante hepático e urologia e ainda cirurgia do aparelho
digestivo, cirurgia geral e urologia.

Uma ideia sobre “30 leitos

  1. Emerson Paranhos

    UMA VERGONHA!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!! O hospital de Clinicas mendigando para reabri alguns leitos do inumeros leitos parados. Cadê a indignação??????????Cadê os jornalões???????Cadê os cronistas tão amargos??????????Cadê os formadores de opinião tão ativos quando o assunto é a´politica nojenta???????Cadê o PT que manda na federal a mais de 30 anos e simplesmente está destruindo uma instituição tão cara a nós paranaenses. Será que não existe indignação por medo do patrulhamento da esquerda criminosa????ou será apenas pela mania do politicamente correto?????
    Isto é trágico?????Cadê a presidenta com seus médicos eleitoreiros cubanos???? Alguns amigos meus estão indo embora do Brasil, pela insegurança, escravidão ao pagar impostos abusivos para sustentar vagabundos de uma esquerda corrupta, falta de liberdade para sair as ruas depois das dez horas, horror na espera dos filhos, saude cara etc… Que que é isso?????????????????

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>