16:01O TC errou!

O Tribunal de Contas do Paraná informa:

Marcos Vinicius Zimiani Moya não é o responsável pelas contas de 2006 da  Paraná Turismo julgadas irregulares

 Uma falha na autuação do Processo 215068/07 gerou um erro de informação na reportagem “TCE julga irregulares contas de 2006 da Paraná Turismo”, divulgada nesta quarta-feira (24 de junho) pela Coordenadoria de Comunicação Social (CCS) do Tribunal de Contas do Estado do Paraná (TCE-PR). As contas de 2006 da autarquia estadual, julgadas irregulares na sessão da Segunda Câmara do Tribunal daquela data, não são de responsabilidade de Marcos Vinicius Zimiani Moya. Os responsáveis pelas contas julgadas irregulares são Jorge Rosas Demiate (período de 01/01/06 a 31/03/06) e Herculano Francisco Gianesella Lisboa (período de 01/04/06 a 31/12/06), que ocuparam a presidência da autarquia durante o exercício de 2006. Marcos Vinicius Moya assumiu a Diretoria de Administração e Finanças da Paraná Turismo em março de 2007, e nunca presidiu a autarquia.  A Diretoria Geral do TCE informou que o equívoco na autuação do processo 215068/07 será corrigido.

Uma ideia sobre “O TC errou!

  1. Carlos

    Este equívoco foi percebido a tempo…
    a maioria deles só são percebidos quando vira processo de execução…
    daí os advogados fazem a festa…

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>