9:01Moradores de Curitiba podem acompanhar o encerramento do aterro sanitário da Caximba no Google Earth

Deu no blog “Máfia do Lixo” ( www.mafiadolixo.com):

caximba

O aterro sanitário da Caximba, empreendimento municipal da Prefeitura de Curitiba, no Paraná, possui licenciamento ambiental de operação (L.O.) concedido pelo Instituto Ambiental do Paraná (IAP). Em 2004 o IAP forneceu uma nova licença de operação a esse empreendimento. Consta que o IAP autorizou a operação de recebimento de lixo no aterro da Caximba até a altitude de 940 m, a partir do nível do mar. A polêmica do fechamento do aterro da Caximba terá o seu último capítulo. Os moradores de Curitiba podem consultar o Google Earth (coordenadas 25º37’10.50”S e 49º20’14.35”O) onde vão encontrar o aterro sanitário da Caximba. Com o Google Earth aberto no seu computador, e com a imagem do aterro da Caximba na tela, os moradores de Curitiba devem focar o pé da foto, onde vão encontrar o indicador que mostra a altura do empreendimento. Ao passar o “mouse” sobre a imagem do aterro sanitário da Caximba, os moradores de Curitiba vão conhecer as diversas elevações diferentes nesse empreendimento municipal. Na mesma imagem aberta no Google Earth, com o “mouse” em cima do lixo a “céu aberto” no aterro da Caximba (a direita da imagem), vão ler no indicador que a altura se refere a “Cota de 908 metros de altura”. O detalhe é que a imagem é do ano de 2006 e novas células de lixo foram construídas no empreendimento. O administrador Enio Noronha Raffin está requerendo junto ao Google Earth, para que a empresa americana faça a atualização da imagem do aterro sanitário da Caximba. O Google Earth possuiu um satélite na órbita da Terra. A cada 24 horas o equipamento atualiza as imagens de cidades brasileiras (Florianópolis publicou as novas fotos em janeiro de 2009). Com as fotos do aterro da Caximba, atualizadas em junho desse ano, se terá de forma transparente o conhecimento exato das elevações do empreendimento. A seguir qualquer pessoa pode acompanhar no Google Earth o encerramento das operações de recebimento de lixo no aterro sanitário da Caximba. Para a Justiça do Paraná o prazo de esgotamento total do aterro sanitário da Caximba é julho de 2009, conforme o que consta no corpo da decisão do Desembargador José Marcos de Moura, no Processo no. 584910-1, que tramita na 5ª Câmara Cível do TJ.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>