10:35"Pai" da ParanaPrevidência diz que sistema é imune a "barulho"

Renato Follador é um craque em previdência, além de ter honrado a camisa do Coritiba. Foi ele quem criou há oito anos a ParanaPrevidência no governo de Jaime Lerner. Exatamente para evitar que o sistema antigo quebrasse o Estado. Ele disse que é balela que o sistema pode afundar no futuro. Primeiro motivo: o Ministério Público significa apenas 1% do fundo. “Hoje o sistema já banca sozinho 15% das aposentadorias dos funcionários públicos e tem em caixa R$ 5 bilhões”, informa. Esta taxa aumenta de 3% a 4% ao mês e a previsão do pagamento próprio fundo a todos os aposentados caiu de 32 anos para 26 anos. “Não há caminho diferente disso”, explica Follador. O fundo é gerido por uma diretoria de 11 integrantes, onde o governo só tem dois representantes. O motivo do sucesso está exatamente aí. O Estado não trisca, só pode fazer barulho. Como agora.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>