15:14Um estilo quase mineiro de fazer política

O secretário Ratinho Junior só vai deixar a Secretaria de Desenvolvimento Urbano e voltar para a Assembleia Legislativa quando tiver certeza e/ou for informado por Beto Richa que o candidato do grupo do governador para a sucessão é Osmar Dias (ou Cida Borghetti). Durante dois anos ele teve liberdade e aproveitou para fazer, da sua maneira direta (e discreta para a imprensa) sua campanha nas inaugurações das obras pelo Paraná afora. Agora houve um enquadramento e ele, que de bobo não tem nada, ficou quieto no canto. Qualquer pessoa que o conhece sabe que seu objetivo é ser o titular da principal cadeira do Palácio Iguaçu. Seu pai, o conhecido apresentador Carlos Roberto Massa, o Ratinho, nasceu em Águas de Lindoia, interior de São Paulo, mas bem perto de Minas Gerais. Logo, alguma coisa do estilo daquela região para fazer política ele pegou por herança de DNA.

2 ideias sobre “Um estilo quase mineiro de fazer política

  1. Nosferatu

    O filho do apresentador de TV apoiou o cara errado, agora via pagar o preço pela opção errada que fez. Sem dúvida alguma é forte candidato, mas se bater chapa com a dona Cida ou o urtigão ganha de lavada já no primeiro tempo. Mas o que eu gostaria mesmo é de vê-lo batendo os pregos no caixão do Senador maluco, aí até votava no cara.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>