14:32Sua cavalgadura

por Rogério Distéfano, no blog O Insulto Diário (http://www.oinsultodiario.com/)

SÓ HÁ um homem público que vê as necessidades reais do Brasil. Uma opção para você adivinhar: sim, ele, Roberto Requião, senador do Paraná pelo MDB novo de guerra. Enquanto Congresso, STF, juízes, ministério público, imprensa e blogueiros encrenqueiros debatem a prisão depois da segunda instância, a reforma da previdência, o auxílio-moradia, a transa de seis horas sucessivas do nonagenário Stênio Garcia, o senador viu a uva: precisamos mudar as formas de tratamento no Brasil.

Roberto Requião quer abolir o vossa excelência, o vossa senhoria e propõe o retorno do senhor, do você, do tu e do vosmecê na correspondência oficial. Num momento de louvável humildade, talvez a constatação de sua finitude política, o senador estaca prudentemente diante do Vaticano: não propõe que deixemos de chamar o bispo de vossa reverendíssima, o cardeal de eminência e o papa de santidade. Tampouco ao cavalo, seu melhor amigo, o senador quer vetar o vossa cavalgadura.

Tem mérito a proposta do cidadão Requião – nada de sua excelência, pois vejo ademanes de um Robespierre de almanaque na proposta do senador. Sempre crítico de nosso líder trigovernador e bissenador lamento que ele não caísse num momento de legislador anti-causa própria e vedasse o ‘canalha’, onipresente em seu léxico, como modo de tratamento de seus adversários: quem sabe um ‘sua canalhice, sua canalhidade, sua canalhência’. Seria pedir demais. Roberto Requião é apenas um senador, não um santo como Lula, seu aliado.

2 ideias sobre “Sua cavalgadura

  1. Sergio Silvestre

    Pois é,quando um Pais de mais de 200 milhões de habitantes,nunca ninguem aqui ganhou um premio Nobel,achincalhado no mundo inteiro como republica de bananas,o que pode dizer alguém com mais de 50 anos que com uma mídia nas mãos,ou um canal de comunicação nada fez para melhorar.
    Olha que aqui nesse blog apenas tem muitos sexagenários que sabe até a cor do elástico da cueca dos outros,mas é só da boca para fora,e eu aqui fico pensando,com tanta cultura por que não começou uma rebelião quando ainda moço para melhorar o Pais.
    Não sei em que escola estudaram nem quanto era o IDEB delas,mas eita povinho mais ruim de imaginação com o que está acontecendo a mais de um seculo e eles continuam com a mesma lenga,os culpados são do time adversário.
    Ora gente,os culpados somos nós,nós os insignificantes com empáfia de que somos os elides da probidade e bons costumes.
    Eu escrevo aqui não é para me exibir ou se mostrar inteligente ,já que isso eu não sou por que não estudei,mas para soltar um pouco de tudo que carrego ao ouvir e ler coisas boas mas muita porcaria.

  2. Carlos Ernandes

    O mundo ideal para Requião, seria um regime stalinista e um frequente chicote nas mãos , com sinecuras uruguaias, francesas e argentinas, obviamente apenas para ele, roteirizando vinhos. Já para a ninguémzada, o ideário chavista , com a gasolina a R$ 0,03 /l , e um pepino à R$ 15

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>