17:08Requião precisa se prevenir

O senador Roberto Requião é um humorista. Ruim. Ele deu entrevista à Gazeta do Povo como pré-candidato ao governo do Paraná, cargo que já exerceu três vezes, um recorde. Quer emplacar o quarto mandato e disse que “não se trata de ambição pessoal”. “O Paraná precisa de uma pessoa experiente que conheça a estrutura e possa fazer isso funcionar”, afirmou com aquela segurança que só consegue quem vive a maior parte do tempo em mania – e acha que está acima de Deus. É assim que ele consegue fazer ajoelhar e de mãos postas os abduzidos que acreditam em sua palavra. O “isso aqui funcionar” deve ser traduzido não da forma que ele expôs, mas pessoal. Na última vez em que Requião tentou se eleger para fazer o Paraná funcionar, levou uma tunda e não foi ao segundo turno. O PMDB que dirige está mais rachado do que pé de mendigo, mas seu estilo ditatorial, que só funciona aqui na província e é alvo de chacota fora das fronteiras do estado, é o que combina com o regime venezuelano de Nicolás Maduro. Requião, que de bobo não tem nem a cabeleira, não o defende mais porque, repentinamente, esqueceu de tudo ao ver, por exemplo, 40 mil miseráveis daquele país invadirem o Brasil para não morrer de fome – exatamente o povo que a lorota bolivariana que ele adota em discurso diz proteger e governar em benefício. Requião acertou em cheio quando disse que Beto Richa tinha quebrado o governo no primeiro mandato e ninguém estava vendo. Ao mesmo tempo, não triscou em Dilma Rousseff, que fez o mesmo com o país. O senador, que se movimenta para tentar levar a reboque, de novo, o filho, deputado estadual que trafega no vácuo e se apresenta com o nome do pai sem ter o nome, a liderança e a verve deste, só vai sossegar quando não tiver mais mandato. Pode acontecer neste ano se ele levar adiante essa intenção exposta na entrevista – que é fumaça. Talvez perca até se tentar a reeleição ao Senado, como aconteceu da última vez, quando Gustavo Fruet, por uma patuscada do PSDB, entrou na corrida na última hora por causa da indecisão de Osmar Dias. Se ficar em casa, de pijama, Roberto Requião, o último grande líder da política do Paraná e dono de uma inteligência pessimamente aproveitada, tem que se cuidar para não despencar para o outro lado da mania – que é a depressão. Por precaução, seria melhor ele consultar longo uma equipe de psiquiatras.

2 ideias sobre “Requião precisa se prevenir

  1. Sergio Silvestre

    Engraçado a Dilma quebrou o Pais como,foi reeleita,o desemprego era de 4%,gasolina,gás ,comida,agua e luz eram baratos,era um pleno emprego,por que Requião teria também que falar da Dilma?Vamos ao Beto Richa,dizem que a previdência está quebrada,mas ele meteu a mão em 7 bilhões da previdência dos funcionários do estado,tem vários esqueletos que a justiça está segurando foi um péssimo governador e só ganhou a eleição por que comprou com dinheiro escuso sua campanha milionaria que só não foi contestada pela justiça por que ela está no seu bolso.
    O FERO ENTRA GROSSO E DOIDO E VOCÊS FAZEM PIADA DISSO?

  2. Leonel

    Não defendo o Requião de maneira alguma,
    Mais domingo vendo Globo rural achei curioso
    O ator Marcos Palmera falando que da soja não
    Transgênica aos animais por ser mais saudável
    Será que o Requião tinha razão??

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>