10:12PENSANDO BEM….

casakl

CASA KLEMTZ, QUE ESCAPOU DE ÁRABES E JUDEUS

Rogério Distéfano

Cuspir para cima

Dilma não deu um pio sobre a condenação de Eduardo Cunha no processo da Lava Jato. Às vezes cai a ficha e ela não cospe para cima.

Margem de sorte  

Michel Temer alcança 55% de reprovação como presidente. Sem problema, sobram 45%.

Crítica da razão impura

Rafael Greca diz que os judeus e os árabes de Curitiba vendem imóveis históricos que deveriam preservar. Tem razão. Nunca vi objetos antigos nas casas de judeus e turcos. Se a Casa Klemtz fosse deles, venderiam tudo, de maçaneta a tampa de privada.

Aqui jamais

 A ex-presidente da Coreia do Sul caiu sob impeachment e hoje está presa em cela de 6%, alimentada por refeições que custam R$ 9.

Imagine se acontecesse no Brasil. Fosse mulher mandavam para casa para cuidar dos filhos (quem cuidava deles quando estava na presidência fazendo mutreta?).

Em qualquer caso o país viria abaixo, não se admite prisão de presidente – ou presidenta. Eles nunca sabem o que os subordinados fazem. Ainda que também tirem proveito.

Ainda há tempo

 O advogado Admar Gonzaga, nomeado para o TSE, diz que “apertou a mão de Michel Temer uma única vez”. Não faltarão oportunidades. O perigo não é apertar a mão. Perigo é apertar mais em baixo.

Apareeça

 Toni Garcia, vocação de blogueiro, desperdiçada.

Justiceiro justiçado

 Protógenes Queiroz, delegado e deputado federal pela Operação Satiagraha, está com prisão decretada, foragido da Justiça.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>