9:06Muito esperneio

de Ricardo Boechat, na revista IstoÉ

Presidente do PT, Gleisi Hoffman (PR) protagonizou espetáculo surreal em vôo da Gol, que partiu às 7h do Rio de Janeiro para Brasília, dia 24. Já acomodada, irritou-se com comentário de um passageiro que, também sentado, afirmou que se soubesse estar a senadora a bordo não viajaria. “Veja com quem fala” reagiu brava, dirigindo-se a uma pessoa logo atrás de sua poltrona. Ela reagiu: “eu estou calado”. O autor do comentário acentuou: “ainda reclama, viajando com o dinheiro do povo”. Bastou. A senadora quis que o comandante viesse falar com ela, mas a aeromoça disse que ele não podia, pois os procedimentos para decolagem tinham sido iniciados. “Deixa chegar lá”, mandou Gleisi. Ao pousar, agentes aguardavam a parlamentar, que acionou a PF, para levar o suposto ofensor a depor. Por não ver excessos na cena, um subprocurador da República e um médico se ofereceram como testemunhas. Já na sede da Superintendência da PF acabaram dispensados. Depois do “PiTi”, Gleisi Hoffman encerrou o espetáculo. Baixa o pano.

5 ideias sobre “Muito esperneio

  1. Ademar Luiz Vieira

    Totalmente despreparada.
    Dizem na boca que a senadora quando bate em alguém , bate como um lutador do UFC, quando é batida , se defende como uma donzela.
    Acho que essa senadora fuma Vila Rica, o cigarro do Gerson ” Só quer levar vantagem “

  2. Sergio Silvestre

    Ela não deu piti nenhum,eu acho que aqui no Parana estão com algum medo da senadora ser bem votada,agora tem uns tipos nesse voo que eu não chamava comandante não,eu sentava a mão nas fuças do filha da puta.

  3. Nonsei

    SS agora é Mãe Dinah! Além de vidente e burro, metido a machão! Essa madeira aí leva prego! Pode apostar!!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>