17:07“Funciona” assim…

Do Goela de Ouro O jornalista Celso Nascimento teve acesso, por meio de uma fonte oficial, a uma parte do inquérito da Al Barã. Nela estão transcritas várias conversas telefônicas durante a antevéspera do 2.º turno da eleição para a prefeitura de Curitiba, disputado entre Greca e Leprevost. Os diálogos são entre pelo menos uma ex-secretária, funcionários da repartição e um dos coordenadores da campanha de Greca – nomeado logo após a vitória eleitoral para uma das mais importantes secretarias do município. As conversas revelam que os servidores foram encarregados de escarafunchar arquivos da secretaria que caracterizassem a suposta fraude na locação do terreno do Instituto Paranaense de Cegos para o irmão do candidato Ney Leprevost. Os documentos assim obtidos transitaram entre a sede da prefeitura e o porão da sede da Paranaprevidência, situada na rua Inácio Lustosa. Daí seguiram para um certo “Luiz”, encarregado de alimentar a campanha de Greca.

3 ideias sobre ““Funciona” assim…

  1. Fausto Thomaz

    Hummmm parece que o tmbm molusco Iatauro saiu na hora certa neh….nada como ter informações privilegiadas da tormenta que virá.

  2. Jonas Castino

    Eu não entendo a Paranaprevidência com a importância e a responsabilidade que tem junto aos servidores públicos do executivo, judiciário, MP, e legislativo estar sendo usada para fins que não são próprios da instituição. Isso é muito grave!

  3. Zé Ninguém

    Agora só resta ao Cinderelo pedir o impeachment do Greca, ou nova eleição. Aí eu quero ver o desespero da legião de cuecas de seda e baba ovos aboletados até hoje na prefeitura.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>