19:21Do voto limpo à indicação duvidosa

E o PPS, hein? O partido do “voto limpo” nunca aparece em indicações para cargos, quando surge a chance… é escrachado com a indicação de Rubens de Camargo Penteado para uma diretoria da Itaipu. Segundo a Lei de Responsabilidade das Estatais, sancionada no ano passado pelo presidente Michel Temer, é proibida a nomeação de quem ocupou cargos de direção partidária nos 36 meses anteriores à indicação. Penteado era  integrante da executiva do PPS no Paraná até 23 de junho de 2016 e já secretário-geral do partido. E agora, Rubem Bueno?

4 ideias sobre “Do voto limpo à indicação duvidosa

  1. Carlos Ernandes

    O tal limpinho, velho conhecido em Sertanópolis e arredores, nunca deixou de ser um político tradicional. Em Londrina, como de resto, se une ao que tem de pior. Como um engenheiro aposentado da Seil, seu indicado, velho conhecido e mordedor das empreiteiras . E lá nave vá.

  2. Café no Bule

    E o Helio Werbiski?
    Vereador do PPS em Curitiba e funcionario abduzido da Itaipu quando o Rubinho Bueno foi Diretor Administrativo da Itaipu Binacional indicado por LULA.
    Em 2003.
    Ele esqueceu mas nós temos memória.
    Aí saiu e deixou ESTABILIZADO sem concurso público o assessor Helio Werbiski.

    PS- Ratinho Junior deixou dois funcionários cedidos da prefeitura de Jandaia do Sul lá também. Biral e Ortega os sobrenomes.
    Na gloriosa Itaipu petista.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>