17:38Alvo conhecido

Do blog do Rigon

O ex-vice-presidente de Gestão de Ativos de Terceiros da Caixa Econômica Federal, Marcos Roberto Vasconcelos (foto), professor do Departamento de Economia da Universidade Estadual de Maringá, um dos alvos da Operação Cui Bono, realizada ontem pela Polícia Federal para investigar fraudes na liberação de créditos pela instituição, foi assessor do ex-prefeito José Claudio Pereira Neto (PT).

Ele é um dos 15 ex-secretários e ex-assessores da administração do PT condenados por terem acumulado de forma irregular as funções e os salários da prefeitura com os vencimentos que recebiam como professores ou técnicos da UEM, entre janeiro e julho de 2001. Entre os 15 que foram condenados a devolver dinheiro ao erário, pagamento de multa e proibidos de contratar com o poder público, além da suspensão dos direitos políticos, está o atual deputado federal Enio Verri, presidente estadual do Partido dos Trabalhadores; à época ele era secretário de Fazenda de Maringá.

Em novembro passado eles perderam no Tribunal de Justiça do Paraná o segundo recurso (abaixo) contra a sentença do juiz Alberto Marques dos Santos, da 4ª Vara Cível de Maringá. A ação foi proposta pela Promotoria de Proteção ao Patrimônio Público em 2002.

Uma ideia sobre “Alvo conhecido

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>