21:34JORNAL DO CÍNICO

Do Filósofo do Centro Cínico

E agora, em uníssono, para enaltecer o pacote de bondades anunciada pelo ministro Joaquim Levy, vamos cantar: “Olê, olê, olá, Dilmá, Dilmá”. Outra vez, no gogó: “Olê, olê, olá, Dilmá, Dilmá”. O pior é que, se o Pamonha de Minas fosse eleito no lugar desta senhora que faliu a loja de R% 1,99, talvez o espancamento fosse maior. E viva o Brasil!

Uma ideia sobre “JORNAL DO CÍNICO

  1. leandro

    Até poderia ser maior o impacto na economia e no bolso de todos nós se o chamado “pamonha de Minas ” tivesse sido eleoto. Isso é uma suposição, não um fati real e muito menos concreto no resultado. Quem ganhou a eleição, como dizem os petistas e aficionados foi a Dilma. Ganhou, foi diplomada, tomou posse e abriu a caixa de maldades. Dois dias após a eleição já aumentou a gasolina e a coisa foi se avolumando e em função de uma politica desastrosa, incompetente sob todos os aspectos o Brasil quebrou e desta vez quebrou mesmo. Para reestabelecer o que o novo Ministro da Fazenda disse , ” a confiança dos investidores” o que está sendo feito é na realidade sangrar os cordeiros, o povo. Depois de tantos escândalos, de tantas ações demagógicas, quer por interesse eleitora, por influência do “guru” politico, o governo perdeu o norte da administração do país e abriu a ferida que estava já a muito tempo encoberta com benesses absurdas. O mais interessante é que o Governo usou a famosa frase para a vó Servelina “..taca-lhe o pau”, mas não para o Marco e sim no povo. O que fazer , nada simplesmente apertar mais o nosso cinto pois o apertar o cinto do Governo não sentiremos, uma vez que em todas as medidas nenhuma de forma direta e concreta demosntra que o Governo fará esforço de economizar e mais uma vez essa turma que aí dá plantão como governantes fazem “cortesia com o chapéu alheio”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>