15:42Vai… e no…

A coisa está ficando como o diabo gosta. Em Moscou o cantor Robin Willians mostra o dedo médio em riste para bilhões de telespectadores no mundo. Em São Paulo, o diretor de teatro Zé Celso Martinez Correa canta o ‘Soneto do Olho do Cu’, de Rimbaud e Verlaine, para o vereador Fernando Holyday – e encerra a discussão sobre a construção de prédios ao lado do Teatro Oficinal com um elucidativo “vamos todos tomar no cu”. Querem mais?

 

Uma ideia sobre “Vai… e no…

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>