6:42UEM para e TC mantém decisão que exige transparência nos gastos

Ontem o Conselho Universitário da Universidade Estadual de Maringá decidiu não manter a determinação de não enviar a documentação para o Governo do Paraná sobre a folha de pagamentos dos professores e funcionários e hoje haverá paralisação das atividades, segundo informa a Secção Sindical dos Docentes da UEM (Suesdem), que classificou a ação da administração estadual de “chantagista”. Por coincidência, no mesmo dia o Tribunal de Contas do Paraná negou um recurso de revista apresentando pela Universidade Estadual de Londrina e confirmou a determinação de que todas as universidades estaduais do Paraná implantem o RH Paraná Meta4, que torna transparente os gastos com pessoal como fazem todo o resto do sistema público.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>