7:10TJ implode CPI das Falências

O Tribunal de Justiça enterrou ontem a Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Assembleia Legislativa que, a pedido do deputado estadual Fabio Camargo, iria investigar um suposto esquema de fraude em falências e concordatas integrado por advogados e juízes. A Associação dos Magistrados do Paraná (AMAPAR) alegou em seu pedido de liminar, concedido e ratificado ontem, que não havia fato determinado a investigar, o que contraria a Constituição Federal. O parlamentar disse à Gazeta do Povo que vai recorrer da decisão. No mesmo dia foi adiado o julgamento sobre a validade do aumento das tarifas do Detran pelo Governo do Estado. O desembargador que pediu vistas do processo, Paulo Roberto Hapner, está na China representando o TJ (ler reportagem abaixo).

http://www.gazetadopovo.com.br/vidapublica/conteudo.phtml?tl=1&id=1234494&tit=Tribunal-de-Justica-decreta-fim-da-CPI-das-Falencias

Uma ideia sobre “TJ implode CPI das Falências

  1. Elias Mattar Assad

    Defendo uma funcionária da Assembleia e sustento a mesma coisa. A Assembleia como poder, também não poderia ser invadida por outros (judiciário e executivo), sob desculpa de investigar crimes ocorridos em seu interior (fantasmas, etc). As provas arrecadadas são nulas pela ilicitude da obtenção. Um dia isto será proclamado inclusive para o caso Bibinho. A CF não admite gambiarras.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>