11:57Tiros no ar

De Gustavo Fruet, em entrevista à rádio Bandnews:

- Rafael Greca chamou Beto Richa de covarde e hoje eles estão juntos. Eles mostram que princípios como honestidade e ética não tem valor na vida política deles.

- Aprendi a absorver determinadas críticas levianas. Quem está na politica tem que ter maturidade que o embate político é duro, mas temos que manter a capacidade de diálogo. A Prefeitura não é tesouraria do Governo do Estado. Prefeito não é secretário do governador Beto Richa.

-Eu estive com o governador Beto Richa pelo menos três vezes para falar das dívidas do Estado com as obras da Copa e repasses atrasados para a prefeitura na construção de unidades de saúde. As minhas cobranças foram sempre relacionadas a assuntos que interessavam à população de Curitiba. No momento em que o povo da cidade precisava de recursos para a pavimentação, o governo do Estado cortou repasses.

8 ideias sobre “Tiros no ar

  1. José Carlos

    Falando em estar juntos (Greca e Richa), e voce gustavo que está com a dilma, gleise e toda a corja … voce fala de do seu orgulho de ser prefeito da republica de curitiba, mas não fez nada a favor do combate contra a corrupção…. e ainda foi pedir pro richa apoio para continuar com este seu governo incompetente…

  2. joão pesado

    Fruet conseguiu a proeza de administrar Curitiba por 4 anos sem qualquer mancha. Qualquer pessoa decente e com um pingo de honestidade intelectual reconheceria que isso é bem mais valioso que dar uma de machão xingando o PT, Lula e Dilma.
    Não foi isso que muita gente foi para as ruas exigir? Não foi isso que ele fez?
    Se bem que eu acho que esses comentaristas aí de cima nem acreditam nisso, são da campanha dos adversários e fazem isso só por sacanagem.

  3. Rolando Caio da Rocha

    Eu não tenho dúvida que gente que comenta em blog de maneira muito apaixonada recebe soldo de algum adversário.

  4. Zé Povinho

    A memória do palerma é do tamanho da cabeleira dele, se lembra das declarações feitas pelo ex-prefeito no passado, mas se esquece do tempo em que era o algoz do pestismo? E só se elegeu por causa do emprenho dos pestistas? E também por causa da péssima administração do seu antecessor. Só gente muito trouxa é que acredita neste palerma desmemoriado.

  5. leandro

    Se o Estado também está sem recursos. é só a Fomento Paraná executar seus devedores, entre eles o CAP…. qualquer coisa. Ou não estão devendo?

  6. Aristides Mansur

    O Mordomo de filme de terror resolveu chorar um pouco.
    Traiu o PMDB do Requião em 2004 para apoiar o então candidato a prefeito Beto Richa, trocou o seu apoio por cargos na prefeitura para os seus pupilos, sua Irmã como secretária de educação, seu guarda costa ou o sanduiche do mal o Mac como secretário de governo e o seu aspone mor O cordeiro como secretário de urbanismo.
    Tudo isso pelo bem da nossa cidade, papo para enganar os curitibanos.
    Quando explodiu o MENSALÃO, pediu apoio ao então prefeito para ser indicado relator, e conseguiu.
    Virou notícia nacional.
    Em 2008 tentou de todas as formas possíveis e imagináveis puxar o tapete do vice prefeito Luciano Ducci.
    2010 chorou e chorou muito para ser candidato a senador mas, queria um primeiro suplente com dinheiro para bancar as suas campanhas, deram a ela o Casa Grande.
    Chamou o outro candidato a senador na mesma chapa de LADRÃO.
    Com tudo isso foi se aproximando da turma da OPUS e da família da mídia curitibana os quais procuravam uma marionete para eles manipular do seu modo.
    Assim nasceu a candidatura do Mordomo de filme de terror a prefeito em 2012.
    Agora que sentiu o doce sabor do poder quer ele ser igual ao LULA e se perpetuar no poder.
    FORA FRUET.
    Chega de enganação.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>