7:37Tem gente que é pessoa

por Ricardo Araújo Pessoa

Pelas minhas contas, temos: pessoas, gente, povo e humanidade. O pior são as pessoas, claro, e o melhor é a humanidade.

As pessoas não usam setas no trânsito; a humanidade foi à lua. A humanidade é tão digna que, muitas vezes, aparece grafada com h grande: a Humanidade. Isso nunca aconteceu às pessoas, e bem. Não faz sentido escrever que as Pessoas jogam lixo no chão (coisa que a Humanidade, aliás, nunca faria). As pessoas raramente merecem a honra da maiúscula. Em geral, são referidas no fim da conversa, em tom de lamento: “realmente, as pessoas e sempre com p pequeno.

A gente talvez esteja num patamar acima, mas não muito. Tem gente muito estúpida. O que é normal, dado que a gente costuma ser formada por muitas pessoas. Mas, apesar de tudo, às vezes é possível confiar na gente, e até desejar combinar um programa com ela, como fica claro na frase: “E aí, gente, vamos sair?” Um convite que, não por acaso, nunca é feito às pessoas.

O povo já é outra coisa. Dedica-se sobretudo à política, e com uma nobreza que falta claramente às pessoas. Os políticos, infelizmente, são, em geral, pessoas. O povo, que é sábio, vota neles, mas apenas porque não tem alternativa.

Pudesse o povo votar no povo e as nações, verdadeiramente governadas pelos povos, prosperariam. No entanto, o povo não tem outro remédio senão votar em pessoas, com os resultados que todos conhecemos.

Não surpreende, por isso, que a Humanidade seja capaz de tantas e tão grandes façanhas: ela é formada pelo conjunto dos povos. Quando os povos se juntam para criar a Humanidade, aliam a excelência de cada um à dos outros, e o resultado é uma entidade que consegue atingir cumes da civilização, como as vacinas, a conquista do espaço e o gin tônica.

Falta descobrir o essencial: em que ponto passam as pessoas a ser gente –e, sobretudo, quando é que a gente se transforma em povo e Humanidade. Esse momento tem de ser identificado e estudado na escola. Deve ser uma delícia viajar de ônibus com a Humanidade, aguardar na fila do supermercado atrás da Humanidade, ir ao estádio ver o nosso time na companhia da Humanidade. Fazer tudo isso com pessoas é quase sempre chato, e muitas vezes perigoso.

Editoria de Arte/Folhapress

2 ideias sobre “Tem gente que é pessoa

  1. joao

    Nada é por acaso por isto colocam as pessoas para eleger os políticos, e o resultado é isto aí, o lado maligno do poder domina até mesmo nossa carta magna. Enfim, ao contrário dos contos o mal sempre vence, olha o Temer aquele rosto de pinguim, e seus aliados enrolados e, outros presos. Pior de tudo, o STF se expôs diante da maior gravidade, não sabendo dar o destino merecido ao senador aécio neves, enquanto, o dulcídio teve tratamento comum. Qual a razão de tal discrepância, um era PT outro PSDB, os magistrados da suprema corte é uma enorme colcha de retalhos, ainda nas mãos de seus criadores : os partidos políticos. Isto é Brasil suas organizações corporativistas , frágil e vulnerável nas mãos dos que dizem representar a nação, pobre republica das bananas, retoma o destino de velha colônia

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>