13:45Remanejo sem traquejo

por Rogério Distéfano, no blog O Insulto Diário (http://www.oinsultodiario.com/)

Inacreditável. O ministro Ricardo Lewandowski é professor titular de Direito Financeiro na USP/Largo de São Francisco. A disciplina trata exclusivamente de orçamento público. Ao justificar o aumento da magistratura, o ministro força a barra e produz esta pérola:

“Só isso [a recuperação de R$ 1 bilhão da Lava Jato à Petrobras] representou uma devolução aos cofres públicos de uma quantia muito maior do que aquela que será remanejada [o aumento para a magistratura].

Qualquer um, até advogado, podia afirmar isso e sair impune. Não o professor de Direito Financeiro ou outro qualquer da área do Direito Público. O dinheiro foi devolvido à Petrobras, não ao orçamento da União ou ao orçamento do STF.

A despesa do aumento será de R$ 4 bilhões por ano e o R$ 1 bilhão entrou de uma só e única vez. Mesmo que o dinheiro fosse para o Tesouro, ele seria distribuído conforme decisão do Congresso na lei orçamentária, e não entregue ao STF para ser “remanejado”.

3 ideias sobre “Remanejo sem traquejo

  1. bs

    Infelizmente esses pseudos paladinos só pensam em si mesmos, não estão nem ai para o Brasil.
    Quando isso vai mudar, esquecem que quem paga essa conta é a ninguezada.

  2. Parreiras Rodrigues

    Não soa como picaretagem? Aumento à guiza de comissão?
    Será que esse cidadão e seus pares (detesto pares…) que no Brasil existe um Vale do Jequitinhona*? Que existem pessoas que malemá fazem uma parca refeição por dia. Que no Nordeste visitado pelo jornalista Ivo Patarra, existem famílias que colocam papelão para “engordar” a água onde cozinham duas dúzias de caroços de feijões?

    *Luciano Hulk mostrou no seu programa de hoje, um lugarejo lá.

  3. Jorge

    Quem o nomeou? porque o nomeou? faz parte da quadrilha há muito tempo. E o uso do cachimbo deixa a boca torta. Deveria ficar no SPA do Lula em Curitiba

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>