15:10Pingos nos ys

De Rogério Distéfano, no blog O Insulto Diário

Flávio Bolsonaro – o primeiro filho e senador eleito (PSL/Rio) – começou a falar. O segundo filho, deputado Eduardo, diz coisas de arrepiar a estátua de Floriano Peixoto. O terceiro filho, Carlos, o vereador, já tinha soltado a escabrosa teoria da conspiração sobre a morte do pai.

Até prova em contrário e superveniente destampatório, Flávio fala com a moderação do senador (Crazy, Lindebergh, Vanessa e Requião as exceções), embora seja moderação relativa, tendo Eduardo como valor absoluto e comparativo.

O senador repudia a escolha de Renan Calheiros para presidir o Senado e defende os militares no governo do pai – “foi o povo quem quis”. Pôs os pingos nos ‘is’. Com os Bolsonaro, mesmo o ‘y’ leva pingo. Um pingo de chumbo.

2 ideias sobre “Pingos nos ys

  1. SERGIO SILVESTRE

    Como acreditar numa família inteira de políticos oriundos do Rio De Janeiro,que em 30 anos nada de custo- beneficio deram para a nação.
    Quem vai acreditar que os 4 políticos agora vão tirar o pais do poço com a ajuda de Olavo De Carvalho,Frota ,Joice e todos outros aliados do DEM, e uma metade de ministros generais que tem nas suas carreiras os mesmos vícios e as mesmas benesses da justiça e politica.
    Acho que é hora de cair na real ou apostar de 1 a 6 na mega sena e ganhar sozinho uma bolada,vai ser a mesma chance desse governo esquisito quase tenebroso dar certo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>