7:53O jogo

As torcidas organizadas a favor e contra a condenação de Lula da Silva esquecem apenas um detalhe: o que vai mudar no Bananão depois que uma delas comemorar como vencedora? Para lembrar as analogias futebolísticas do ex-presidente, nunca é demais lembrar que o poder é como uma bola no jogo – e os times que a disputam fazem cena para quem está na arquibancada antes e depois do início da partida. No fundo, entretanto, estão preocupados em ganhar e faturar – e se alguém aplaude ou chora, consideram apenas um detalhe do espetáculo. Assim é.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>