20:26O aloprado é advogado e nega agressão à senadora

Do blog Caixa Zero, de Rogerio Galindo, na Gazeta do Povo

Advogado admite ter “hostilizado” senadora em Curitiba, mas nega agressão

O advogado Paulo Demchuk nega ter agredido a senadora Vanessa Grazziotin (PCdoB) num voo de Brasília a Curitiba nesta quarta-feira, poucas horas depois de o impeachment de Dilma Rousseff (PT) ser aprovado no Senado. A senadora votou contra a cassação da presidente.

Demchuk, integrante do Movimento Brasil Livre (MBL), estava no mesmo voo que a senadora. Passageiros dizem que ele hostilizou a senadora, que passou a filmá-lo. Um vídeo mostra Demchuk tentando tomar o celular de Vanessa – depois a imagem some.

“Eu estava falando dos senadores em geral. Disse que nenhum deles vale um tostão furado e que a culpa de tudo que está acontecendo no Brasil é dos políticos”, afirmou Demchuk ao blog, por telefone. O advogado, porém, nega que tenha falado especificamente sobre Grazziotin.

Há relatos de que ele, ao tentar tomar o telefone da senadora, teria puxado os cabelos dela. A senadora disse à Polícia Federal que tinha batido a cabeça no braço da poltrona. “Não foi tocado num único fio de cabelo dela. Ela é muito branca, daquelas que se você encosta fica vermelho. Ela tentou convencer o policial de que houve agressão, mas não tinha uma manchinha”, disse.

A Latam confirma que o passageiro foi tirado do avião por “mau comportamento”. Demchuck diz que só estava exercendo seu direito de livre expressão e que não vê problema em hostilizar os políticos. Só se arrepende, diz, de ter tentado tomar o celular da senadora. “Errei.  Pensando agora, não faria mais isso”, afirmou.

5 ideias sobre “O aloprado é advogado e nega agressão à senadora

  1. Carla Abreu

    O senado federal abusou da paciência do povo afrontando a Constituição. O correto hoje seria fechar o senado. Mandar aquela turba bora. Ficar só com a Câmara
    A Câmara fez toda aquela pantomima, mas não violou a Constituição como fez o senado. Sou contra agressão, mas entendo a revolta do cidadão

  2. Aristides Mansur

    Essa é a cara da turma da esquerda.
    Quando estão por cima metem a mão no dinheiro do povo brasileiro.
    Quando estão por baixo querem se fazer de vítima.

  3. Fernando Mendes

    Cidadão e advogado de segunda categoria. Pena que tenhamos que conviver com essas coisas e outras. Merece um corretivo do Judiciário e da OAB.

  4. Zé Povinho

    Mas o cara só fez o que está acostumado a fazer, como não podia dar uma “carteirada” na senadora partiu para a ignorância. Ignorância igual a do deputado pestista agredindo uma advogada no plenário do Senado, acolitado pela mesma senadora vítima da “carteirada” do advogado na senadora. Ficou-se no empate, empate de arrogantes é claro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>