12:06No Muro das Lamentações

Do blog “… e tudo acabou em Sfiha“, de Gerson Guelmann

Um repórter americano designado para assumir o escritório de Jerusalém do jornal onde trabalhava, alugou um apartamento com vista para o Muro das Lamentações.

Todos os dias, quando olhava para fora, via um velho judeu orando com muita devoção. Achou que a história poderia render uma boa matéria e uma manhã, a caminho do escritório, desceu até lá. Após apresentar-se ao velho, perguntou:

“Vejo que o senhor vem todos os dias ao Muro e reza fervorosamente. Há quanto tempo faz isso e para o que ora?”

O senhor respondeu:

- “Eu venho aqui todos os dias há 25 anos. Pela manhã peço pela paz mundial e pela fraternidade entre os homens.  Depois vou para casa, tomo uma xícara de chá, volto e rezo pela a erradicação das doenças e da pobreza da terra.”

O jornalista ficou surpreso.

- “Como o senhor se sente vindo aqui todos os dias por 25 anos e rezando por essas coisas?”
O velho respondeu calmamente:
- “Como se estivesse falando com uma parede.”

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>