11:17Naquele lugar

Do Filósofo do Centro Cínico:

Tiririca informou à Justiça Eleitoral paulista que sua mulher o ajudou a escrever a declaração que não era analfabeto. Justificou que sua atividade circense impede que “aproxime o dedo indicador do polegar”. Para provar que isso é verdade, o juiz poderia perguntar como o Tiririca manda alguém tomar naquele lugar com o tradicional gesto.

Uma ideia sobre “Naquele lugar

  1. sapo barbudo

    Boa filósofo,mas veja só, se o Tiririca teve ajuda da mulher para curar seu analfabetusmo, na campanha presidencial temos um inversão de gênero, uma “mulher” que se diz e dizem ser competente, pede ajuda a um analfabeto para se eleger, não é um paradoxo?

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>