9:35JORNAL DO CÍNICO

Do Filósofo do Centro Cínico

Ainda bem que as famílias que se revezam na Casa Grande Paranaense se preocupam com os habitantes da Senzala. Tanto que todos os escravos, sem exceção, ganham o mesmo que a ministra dos Direitos Humanos, a Luislinda Valois. A diferença é que os R$ 31 mil de salário mínimo no Paraná parece ser suficiente, pois ninguém reclama e torce para que os clãs continuem no poder para sempre. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>