9:51JORNAL DO CÍNICO

Do Filósofo do Centro Cínico

Em Curitiba se paga o preço de ser uma cidade do primeiro mundo – inclusive para andar de busão. Não há o que reclamar, afinal, quem participa de tudo vive em outros mundos e acha que nunca vai cair do cavalo.

3 ideias sobre “JORNAL DO CÍNICO

  1. Fausto Thomaz

    Aliás, vive em outros mundos mesmo, enquanto uns sonham em poder viajar uma vez ao exterior na vida, os G….S vivem fora do Brasil pelo menos uma vez ao mês….tadinhos neh

  2. ferreira

    Seria se : Não tivesse maçarocas de fios elétricos nos postes, se suas ruas fossem bem lisinhas, sem esses remendos de m&4da nos asfaltos e desníveis de bueiros, sem calçadas quebra tornozelos, sem excesso de vagabundagem nas ruas e menos crimes .

  3. Zé Ninguém

    Concordo com você Filósofo. Dias atrás quem chorava copiosamente por ter perdido a boquinha que mantinha lá na Casa de Ali Babá(Alep) e não saber como fazer para pagar o condomínio do prédio onde mora, só de raiva do juiz Sérgio Moro, se arrancou para Paris. Com certeza quando voltar vai insistir com os antigos empregadores lá da Casa para ter de volta a sinecura perdida. O pobrezinho não pode ficar devendo o condomínio, o que os vizinhos de prédio vão dizer?

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>