11:44Hacker no “Lado B”

O blog “Lado B” (http://blogladob.com.br/) sofreu um ataque de hacker hoje cedo e ficou fora do ar das 9h30 até 11h30. Pode ser tudo, pode ser nada, mas as duas últimas postagens foram as que seguem abaixo:

ABUSO DE PODER: prefeito de Santa Izabel do Oeste dá voz de prisão a cabos eleitorais de Osmar
Por Thea Tavares | Publicado:29 de setembro de 2010
Em Santa Izabel do Oeste, cabos eleitorais recebem voz de prisão de prefeito da campanha adversária e ficam detidos, prestando depoimento na delegacia local por quase duas horas.
.

A campanha política foi parar na delegacia de Santa Izabel do Oeste, no Sudoeste do Paraná, nesta quarta-feira (29). O prefeito do município, Olívio Brandelero (PMDB), deu voz de prisão a três cabos eleitorais da coligação “A União Faz Um Novo Amanhã”, que panfletavam na cidade, sob a alegação de que o material distribuído (santinhos) era um plágio de outro que estava sendo entregue e que havia sido “aprovado” pelo chefe do Executivo municipal. Brandelero, apesar de peemedebista, é adepto da campanha de Beto Richa (PSDB) ao governo do estado.

O prefeito da cidade vizinha de Realeza, Eduardo Gaievski (PT), que é também coordenador da campanha de Osmar Dias (PDT) na região, discorda da versão do seu colega e diz que os santinhos da coligação “A União Faz Um Novo Amanhã” foram impressos em gráfica de Realeza e apresentavam os compromissos que Osmar, Dilma e o Presidente Lula têm com o Sudoeste do Paraná. Diferentemente do material que pede votos para o tucano Beto Richa. “Não tem outra justificativa para esse absurdo: bateu o desespero. É abuso de poder”, diz Gaievski.

As três pessoas que receberam voz de prisão do prefeito e foram encaminhadas para a delegacia de Santa Izabel do Oeste passaram quase duas horas na repartição pública prestando depoimento antes de serem liberadas. Brandelero, que procurou também o Judiciário local para impedir a distribuição dos santinhos da coligação de Dilma e Osmar, tentou ainda que fosse aberto um inquérito policial contra os cabos eleitorais. Constatada a ilegalidade da apreensão do material e da detenção das três pessoas, todos foram liberados.

Postado em Geral | Com as tags Beto Richa, cabos eleitorais, delegacia, Eduardo Gaieviski, Olívio Brandelero, Osmar Dias, PDT, prefeito, PSDB, Realeza, Santa Izabel do Oeste, voz de prisão | 1 Comentário
Eu quero ver as pesquisas. Tenho esse direito!
Por Redacao Blog Lado B | Publicado:29 de setembro de 2010
Por Edson Rimonatto*

O que acontece nas eleições do Paraná é vergonhoso. Um verdadeiro atentado à democracia se impõe diante da população paranaense e mancha o estado de direito por aqui. Um único partido controla o ritmo da campanha eleitoral ou pelo menos tenta, mas com uma força incomparável e com condições reais de manipular os fatos. Com os poderes necessários para fazê-lo. A seu favor, claro. O único poder também capaz de invalidar essa manipulação é o do voto, nas mãos do povo. Mas, para confundir o mesmo povo, o tucanato impede que o eleitorado tenha informações sobre as quais possa basear sua tomada de decisão.

Pesquisa não ganha eleição e não é de hoje que se questiona o poder delas sobre as definições dos indecisos. Também não é de hoje que se põe à prova os critérios e metodologias usados nas sondagens dos institutos de pesquisa. Mas estabeleceu-se uma cultura de acompanhamento dessas consultas durante a campanha eleitoral que de fato influencia nas decisões dos eleitores. Tanto que as pesquisas não registradas devidamente junto à Justiça Eleitoral, aquelas de “consumo interno” dos partidos, correm soltas e, com elas debaixo do braço, os cabos eleitorais vão a campo informar e tentar convencer os eleitores para votarem nos candidatos de sua preferência.

Às vésperas das eleições, a coligação de Beto Richa (PSDB) impede a divulgação por duas semanas de toda e qualquer pesquisa registrada no TSE – Tribunal Superior Eleitoral – sobre as intenções de voto no Paraná para o governo do estado. Justamente no momento em que as de “consumo interno” apontam para o fato de que o adversário, Osmar Dias (PDT), teria passado à frente e estaria liderando as sondagens feitas. Dessa forma, os tucanos controlam sozinhos o que o eleitorado pode ou não saber. E nós, cidadãos e eleitores, vamos assistindo a tudo isso quietos, calados, passivos, omissos e de braços cruzados. De “Novo Paraná” a coligação do Beto Richa não tem nada. Ela reedita o velho golpe eleitoral da censura ao contraditório e da manipulação dos fatos.

Temos de exigir que as pesquisas sejam divulgadas. Puxar um movimento relâmpago: “Eu quero ver as pesquisas. Tenho esse direito”! E, daí, decidir o que fazer com essa informação. Temos condições de analisar criticamente esse dado. O que não pode é ficarmos nas mãos dos caprichos de uma “ditadura velada da informação”. E, o que é pior, de uma sonegação de informação que só favorece a quem comete esse atentado ao estado democrático de direito. Quem eles pensam que são? Se não fizermos isso urgentemente, corremos o risco de ver esse golpe escolher o próximo governador do Paraná. Não pode acontecer. A população não deve se calar diante de tamanha atrocidade contra a cidadania. E eu não quero compactuar com esse crime hediondo! Espalhe você também essa ideia e essa indignação. Faça valer o seu voto!
.

(*) Edson Rimonatto é publicitário.

4 ideias sobre “Hacker no “Lado B”

  1. xisburge

    Hacker? no wordpress? Isso se chama PERDER A SENHA, ou como faria o Esmael Moraes, se auto censurar, ela se auto atacou para atribuir ao inimigo.

    é um dos dois. nenhuma outra opção.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>