10:30Gasolina mais barata no Paraguai revolta brasileiros

Do Diário do Poder, de Claudio Humberto

O presidente da Petrobras, Pedro Parente, manteve silêncio, porque não tem o que dizer, mas sua assessoria criou uma explicação bizarra para o fato de a gasolina brasileira custar R$2,45 (aditivada, R$2,62) em postos da BR no Paraguai, e até R$5,11 no Brasil. O flagrante viralizou na internet, provocando revolta. Para explicar a exploração no Brasil, a estatal diz praticar “preços internacionais”, mas curiosamente recorre a fatores internos para justificar os baixos preços lá fora.

5 ideias sobre “Gasolina mais barata no Paraguai revolta brasileiros

  1. Fausto Thomaz

    Justificável…tem que cobrir o rombo de 13 anos que a empresa sofreu na mão dos canalhas do PT…o povo que se F*#@

  2. Sergio Silvestre

    Engraçado né.a Petrobras foi descoberta pelo PT ,como tem idiota no Brasil e como eles deglutem as mentiras,algum governo um dia teria que acabar com a farra na Petrobras,com a farra do judiciario,com a farra do congresso e senado,e ai idiota,alguém se atreve?Se atrever ou vai ser morto ou retirado a força do poder e você idiota ainda acredita no céu dos pastores e padres,acredita no manah caindo ou acredita que tá tudo bem e que tudo é culpa do PT.

  3. bs

    Esse governo mediocre quer tirar o prejuizo causado pelos parasitas ladrões , nas costas da ninguezada
    VOTAR NULO
    digite 99 e aperte o verde, proteste.

  4. jose

    Silvestre, quase concordo com vc…realmente o roubo na Petrobrás não começou com o pt, o pt apenas aumentou (e muito) o roubo, até aí eu concordo. Mas dizer que “algum governo um dia teria que acabar com a farra na Petrobras” é demais, a farra só acabou porque a Polícia Federal fez o seu trabalho e o judiciário resolveu trabalhar também.
    Além disso tem outro fator: foi num momento do governo mais fraco desde o fim da ditadura e isto com certeza facilitou a busca e a quebra deste esquema criminoso.

  5. Erudito

    Apenas para dizer que a diferença de preços no caso, justifica-se pelo simples fato de que ao remeter o combustível ao exterior (no caso o PY), a Petrobrás está fazendo EXPORTAÇÃO, portanto SEM os impostos que incidem em operações internas (ICMS PIS CONFINS, etc). Como a carga tributária interna representa mais de 50% fica fácil entender o porquê da diferença!!!! Simples assim.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>