9:36Em outros mundos

Só quem vive no mundo da carochinha imaginou que a governadora Cida Borghetti iria estourar a tranca dos cofres públicos e sinalizar aumento do funcionalismo público para o ano que vem – só porque recebeu e tirou fotos abraçada com diretores da APP-Sindicato. Resta saber agora se os sorrisos de Marlei Fernandes e Hermes Leão vão se transformar no costumeiro ranger de dentes.

3 ideias sobre “Em outros mundos

  1. silva

    A governadora Cid nem precisa estourar o cofre, mas apenas abri-lo e fazer justiça com o funcionalismo do Poder Executivo, o único segmento do serviço público co-partícipe do tal ajuste fiscal do gov. Beto richa !

    Vale lembrar que, a última revisão anual, segundo previsão constitucional (artigo 37, inciso X), do funcionalismo do Poder Executivo foi em janeiro de 2016 (10,67%). Apenas o funcionalismo do Poder Executivo está sem data base, desde janeiro de 2017, pois todos os demais setores (MP-PR / TCE-PR) e poderes (legislativo e judiciário / TJPR), preservaram a DATA BASE, além de instituírem / possuírem uma série de auxílio e gratificações.

    A reposição necessária para repor as perdas salariais, pelo IPCA/IBGE, acumulado em 2016 e 2017, é de 10,52% (jan/2017: 6,29% + 1 = 7,36% e jan/2018: 2,95%). Mas, se a conta for feita até abril do ano corrente (maio é a data base), o reajuste necessário fica próximo a 12%).

    Mas, de lá pra cá, os vários preços e impostos da economia subiram e não foi pouco: IPVA, ITCMD, ICMS, IPTTU, PEDÁGIO, SALÁRIO MÍNIMO REGIONAL, ÁGUA, ENERGIA ELÉTRICA, gasolina, gás, planos de saúde, e etc.

  2. Jorge

    Poderia ser estabelecido um critério para aumento do funcionalismo público baseado na taxa de desemprego do país. Enquanto o taxa de desemprego estivesse acima de determinado percentual, 10% p.ex. não haveria aumento salarial. Isso permitiria aos governos aumentar o investimento em obras públicas que geraria empregos sem aumento da dívida pública.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>