11:24Duas e uma

Do Goela de Ouro

 

Ainda sobre a pesquisa publicada ontem, a Gazeta do Povo, não se entende por quê, publicou duas numa só. Em toda a edição há um recorte somente para Curitiba, onde Beto Richa tem aprovação menor (56%) e as intenções de voto de Gleisi Hoffmann são maiores que no interior. A edição também destaca que Ratinho Jr venceria Beto Richa em Curitiba e região.  Venceria o que, cara pálida? A eleição é para governador do Paraná, em todo o Estado. Então só existe uma pesquisa: em todo o Estado.

6 ideias sobre “Duas e uma

  1. poor devil

    Se o Ratinho vence em Curitiba e o Beto no Interior, porque então não unir o útil ao agradável? Beto e Ratinho, porque como diz a própria pesquisa, a ministra só vence na Capital. Sendo assim temos um empate técnico, Ratinho e a ministra dividindo os votos da Capital, e o Beto vencendo no Interior. Feio mesmo está o senador maluco, campeão da rejeição.

  2. Azor

    É oque eu digo Zé…

    Como se pode confira em um Instituto de pesquisa, Pr pesquisas A qual o Diretor vive nos corredores da ALEP Assembleia Legislativa do Parana, fazendo fuxicos com os deputados e entrando em gabinetes a portas fechadas?!?!?!?

    Como isso pode ser levado a sério?

    Estranho não?!!!

  3. Elisa M. Trigo

    vc ñ curtiu a pesquisa da Gazetona, mas o JOrnale tá aí com destaque pro material copiado. kkkkkkkkkkk
    falta combinar

  4. Jorjão

    Sem o condão de acusar, apenas um comentário: o dono da Paraná Pesquisas, Murilo Hidalgo, é sobrinho de José Carlos Campos Hidalgo, amigo chegado de José Richa e ex-colaborador de Beto Richa. Até a eleição do ano passado, sua empresa fazia pesquisas para a prefeitura de Curitiba, via ICI. Os contgratos estão lá. Agora é contratado da Gazeta do Povo. Sei não. mais: o Paraná tem 399 municípios e foram visitados apenas 72. Foram ouvidos míseros 1.503 eleitores. Pode ser até que Beto Richa alcançasse números mais vistosos. Pesquisa preguiçosa, limitada.

  5. Zé Maria

    O Beto Richa, nosso dileto governador, não está bem nas graças do povo.
    Isso é fato.
    O resto é apenas contorcionismo argumentatório sem fim que apenas mostra o desconforto palpável de aliados.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>