14:45De Curitiba para o coração do Brasil

A propósito do encontro internacional sobre “Cidade Inteligente” que Curitiba vai sediar no final do mês, seguem dados sobre o projeto que está sendo feito por um escritório de arquitetura e urbanismo da cidade:

- Escritório curitibano de Arquitetura e Urbanismo está finalizando o estudo preliminar para uma SmartCity em área de 1926 hectares (mais de 19 km2 de área) no coração do Brasil;

- Trata-se da maior SmartCity a ser desenvolvida no país -  e uma das maiores do mundo;

- O projeto é baseado no tripé escala humana, sustentabilidade e tecnologia;

- O projeto privilegia a mobilidade peatonal (pedestres) através de miolo de quadras público e calçadões de uso compartilhado com veículos lentos;

- A cidade conta com grande distrito industrial com mais de 5 km2 em um cobiçado cruzamento rodoferroviário, onde está previsto o maior Terminal Intermodal Seco do país;

- O estudo prevê a implantação de um campus com Polo Tecnológico em parceria público-privada, com a criação de uma Universidade de referência voltada ao setor de agronegócios, piscicultura, minérios e petróleo, e área reservada para a instalação de laboratórios e centros de pesquisas para empresas multinacionais;

- 5 parques com lagos artificiais. Mais de 40% da mata nativa foi preservada;

- Eficiência energética: O estudo também prevê a transformação do resíduo descartado em energia através da usina de lixo (investimento de 130 milhões de reais), capaz de abastecer 5500 casas da cidade. Ainda poderá receber o lixo de outras cidades do país, pela ferrovia, gerando ainda mais energia.

- Eficiência energética: Todas as coberturas da Zona Industrial serão obrigadas a instalar placas fotovoltaicas, fornecendo energia para a cidade.

- Inteligência: depósitos de lixo subterrâneos, distribuídos nas zonas residenciais e comerciais, dispõe de sensores que avisam o sistema da cidade quando coletar, e o trajeto que gaste menos energia, através de veículos elétricos;

- Inteligência: Mobilidade através de bonde elétrico (VLT) ou ônibus elétrico em canaletas exclusivas, compartilhamento de veículos elétrico público ou bicicletas públicas (com localização pelo smartphone)

- Inteligência: Aumento automático de intensidade de iluminação pública através de sensores (quando não há ninguém, a luz do poste entra em estado econômico);

- Inteligência: Irrigação pública (parques e passeios) automatizada através de sensores de umidade, temperatura e sazonalidade;

- Inteligência: Consumo de água e energia controlada através da nuvem;

- Inteligência: Automatização de semáforos conforme sensores de trânsito e algoritmo;

- Toda a cidade com internet por Wi-Fi;

- Cliente: encomendado por cliente representante de investidores e governo Chinês, que buscam garantir o fornecimento alimentar e matérias primas a médios e longo prazo;

- Custo estimado do projeto: 950 milhões de reais.

2 ideias sobre “De Curitiba para o coração do Brasil

  1. Vai que vai

    Creio piamente no assunto tal qual o chinês investir na Foxconn de Maringá, na indústria de helicópteros italiana de Maringá, na fábrica de aviões russos em Maringá e na fábrica chinesa de caminhões na Lapa Sinotruck.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>