11:27Começa nesta quinta-feira, em Brasília, o 6º Congresso Nacional do PT

O PT do Paraná informa:

Delegação do Paraná é composta de 21 militantes. O presidente eleito do PT-PR, Dr. Rosinha, que tomará posse oficialmente no dia 10 de junho, diz que o partido sairá completamente renovado desse congresso.


De hoje até sábado (1 a 3 de junho), Brasília sedia a realização do 6º Congresso Nacional do Partido dos Trabalhadores (PT), em que 600 delegados e delegadas de todo o País definirão os rumos do partido para o próximo período e votarão para escolher a nova direção nacional da legenda. O PT paranaense será representado pela participação de 21 militantes. 

Confira lista da delegação do PT-PR: http://www.pt-pr.org.br/disco/documentos/84_299.pdf

O presidente eleito do diretório estadual do PT no Paraná, Doutor Rosinha, viaja à Brasília também para acompanhar os debates e as votações, na expectativa da “renovação que o momento tanto exige do PT, de sua militância e da esquerda brasileira”, comenta, a exemplo do que já vem acontecendo com as demais instâncias diretivas desde as etapas zonais, municipais e estadual do congresso. “O PT, após este 6º Congresso Nacional, será outro partido. Completamente renovado e isso acontecerá independentemente de quem vier a assumir a presidência do Diretório Nacional”, afirma Dr. Rosinha.

Ele explica que mais do que a postura ou o perfil individual de quem irá comandar os processos daqui para frente, o congresso em si já se propõe a debater sobre a organização necessária para responder aos desafios da conjuntura nacional. “A renovação se dará na execução partidária dentro da nova conjuntura. Por meio dos compromissos e fidelidade ao programa para o PT que o congresso irá apontar”, acrescentou.

Renovar e superar

Não é novidade nenhuma para o PT a renovação e a superação de crises, uma vez que a própria história e trajetória petista estão repletas de episódios de resistência e de superação das adversidades. “Em 1982, nas primeiras eleições que o PT disputou no País, sofremos derrota política e também eleitoral. Superamos. Já em 1989, quando Collor venceu as eleições presidenciais, ficamos diante de outra situação: saímos das urnas com uma derrota eleitoral, que se refletiu positivamente na política. Soubemos nos fortalecer naquele processo”, lembra o presidente eleito do PT-PR.

Para Rosinha, o PT de hoje, que enfrenta ódios e intolerâncias, mas que também desponta como o preferido do povo brasileiro nas pesquisas de opinião e intenção de voto, tem saldo positivo para mostrar à população, com inúmeras conquistas em políticas de distribuição de renda, inclusão social e de combate às desigualdades.

Conquistas dos governos do PT

Os governos petistas de Lula e Dilma foram responsáveis pela geração de mais de 20 milhões de empregos novos com carteira assinada, mesmo que diante de diferentes crises econômicas mundiais. Com isso, a renda dos pobres mais que dobrou, foi registrada a menor taxa de desemprego da história do País e o salário mínimo, nesse período de governos petistas, teve aumento real de 77% acima da inflação.

Quase 2 trilhões de reais foram destinados a grandes obras de infraestrutura para aceleração do crescimento e geração de postos de trabalho e o PIB Nacional saltou de 3,3 trilhões para 4,8 trilhões de reais. Com as políticas sociais implantadas, 36 milhões de brasileiros deixaram a extrema pobreza e o programa Bolsa Família, criado no governo do PT, com benefício direto a 50 milhões de brasileiros, também contribuiu para incrementar a economia nacional: a cada real investido no programa, R$ 1,78 foi adicionado ao nosso PIB.

Só para citar alguns dos principais indicadores das políticas econômicas e sociais do governo do PT, vale destacar o fortalecimento da agricultura familiar e camponesa , que responde por 70% da produção de alimentos da cesta básica em nosso País. Além disso, a merenda escolar, servida diariamente para 43 milhões de crianças e adolescentes das escolas públicas, também incrementou a produção de alimentos para a população.

“Temos muito o que mostrar e defender enquanto renovamos nossa organização. Enquanto os demais partidos vivem sua primeira grave crise, o PT tem um acúmulo de superação e de credibilidade junto à população”, conclui o Dr. Rosinha.

Fique por dentro da programação do 6º Congresso Nacional do Partido dos Trabalhadores (6CNPT) e acompanhe a transmissão dos trabalhos:

http://www.pt.org.br/confira-a-programacao-do-6o-congresso-nacional-do-pt/

 

Sob nova direção

No dia 10 de junho acontecerá a posse da nova direção do PT no Paraná. Embora já esteja trabalhando a todo vapor no comando do partido desde que foi eleito no congresso estadual, dia 7 de maio, Dr. Rosinha tomará posse oficialmente da presidência do PT no estado no dia 10 de junho. Desde a eleição, ele coordenou pelo partido as atividades de recepção aos militantes de todo o País que vieram a Curitiba acompanhar o depoimento do ex-presidente Lula às investigações da Operação Lava-Jato e tem respondido pela participação do PT nos atos em favor das Diretas Já e de combate aos desmontes dos direitos trabalhistas e previdenciários com as reformas golpistas de Michel Temer.

Com uma forte marca de renovação na direção do PT-PR, Rosinha assume a legenda em um momento em que avançar significa revisitar os princípios que nortearam a caminhada do PT desde sempre. Fundador do PT no País, Dr. Rosinha esteve presente na famosa reunião de 10 de fevereiro de 1980 no Colégio Sion, em São Paulo, berço da organização do partido da classe trabalhadora brasileira. Hoje, o maior partido de esquerda da América Latina, como 1,8 milhão de filiados.

Rosinha é médico da rede municipal de Saúde de Curitiba. Foi vereador na capital, deputado estadual e federal pelo Partido. Também foi parlamentar do Mercosul e assumiu, no governo da Presidenta Dilma Rousseff, o mais alto cargo nesse colegiado regional de parlamentares. Humanista, ele elegeu como sua principal bandeira de luta o combate ao ódio, ao fascismo, à intolerância e ao preconceito. “Ter o Dr. Rosinha à frente do PT no estado, nesse momento histórico, significa contagiar com ânimo e esperança toda a esquerda brasileira, que precisa tanto resistir e fortalecer a unidade democrática e popular” , disse a vereadora do PT de Curitiba, Professora Josete.

Uma ideia sobre “Começa nesta quinta-feira, em Brasília, o 6º Congresso Nacional do PT

  1. Parreiras Rodrigues

    O editorial da última edição impressa da Gazeta do Povo, esculhamba as tais conquistas do PT que se referem a momentos. Temos como resultado aos 13 anos e meio do poderio petista,, a decadência da Educação, da Saúde, da Segurança, taxa de inflação superior a dois dígitos, indústrias desligando maquinário, comércio fechando portas e mais de 12 milhões de desempregados além do maior elenco de denúncias de corrupção e de ladroagem jamais visto em toda a História do Brasil.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>