11:46Cachorro de batalhão

No Brasil, há plateia para tudo e o brasileiro é, por vocação, plateia. Se um camelô vende caneta-tinteiro, junta gente; se morre um cachorro atropelado, junta gente; e, se passa um batalhão, vamos atrás. O brasileiro tem alma de cachorro de batalhão. (Nelson Rodrigues)

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>