11:36Arquitetura para repensar Curitiba

Da Gazeta do Povo, em reportagem de Luan Galani para o suplemento Haus

Grandes nomes da arquitetura mundial vem a Curitiba para ajudar a repensar a cidade

Veja como participar dos eventos da exposição Arquitetura para Curitiba, que começa próximo dia 24 de maio

A partir do próximo dia 24 Curitiba receberá nomes de peso da arquitetura mundial para ajudar a repensar alguns problemas da cidade. Estão confirmados Hugo Segawa, da Faculdade de Arquitetura e Urbanismo da Universidade de São Paulo, o arquiteto espanhol Andrés Jaque e o arquiteto argentino Enrique Walker, ambos atuantes na Columbia University, em Nova York. Além de alguns alunos da Universidade Técnica de Viena, orientados pelo arquiteto austríaco Markus Tomaseli.

A iniciativa é da exposição Arquitetura para Curitiba, também conhecida como Expo 2017, que reúne 17 escritórios de arquitetura e urbanismo da cidade e alunos das principais universidades para propor novas ideias aos espaços públicos.

Confira ao fim da matéria a programação e veja como se inscrever. A entrada é franca. O evento tem apoio do Hotel Nomaa, CAU-PR, UFPR, UTFPR, UniCuritiba e UP.

A mostra, que vai apresentar de soluções conceituais a estudos de casos particulares, acontece de 24 de maio até 10 de agosto, no Museu Municipal de Arte (MuMA). A organização é de Aloísio Schmid, Thiago Maso e Humberto Carta, do N8 Studio, Sabine Meister Valenga e Luisa Moraes.

A intenção é resgatar a tradição de inovação da cidade em arquitetura e planejamento urbano. “A Expo 2017 é uma oportunidade para que os escritórios rompam com as leis ditadas pelo mercado e proponham de maneira mais livre o que acreditam ser necessário para a construção de uma Curitiba mais justa, igualitária e sustentável”, defendem os organizadores.

Os projetos abordarão assuntos relevantes na formação das cidades contemporâneas que muitas vezes são omitidos ou deixadas de lado no dia a dia de quem pensa as metrópoles. “A ideia é tratar a arquitetura como construção do espaço e não como construção de prédios”, explica o arquiteto Thiago Maso. “Poucas vezes nos damos contas, mas esses espaços, os vazios urbanos, influenciam na cidade. Então, como vamos ocupar?”, desafia.

Participam desta segunda edição da mostra os seguintes escritórios: AP Arquitetos, Arquea Arquitetos, Bárbara Becker Arquitetura com Vivian Brüne, Cora Atelier, Érika Poleto e Isabel Sanchez, Estúdio Coletivo, Estudiograma, Estúdio Pólis, Fiori Arquitetos com Ofcina Urbana de Arquitetura, Grifo Arquitetura, LR Architecthe, N8 Studio, Ponto 41, Saboia + Ruiz Arquitetos, Solo Arquitetos, Y Arquitetos, YVA Arquitetura.

Desde 2016 diversas atividades vem sendo conduzidas, com vários escritórios participantes promovendo experimentos de utilização dos espaços urbanos, como jardins urbanos, piqueniques e intervenções pontuais.

Confira a programação da Expo 2017

Exposição

De 24 de maio a 10 de agosto de 2017, no Museu Metropolitano de Arte, na Av. República Argentina, 3.432, Portão, de terça à domingo, das 10 às 19h, com entrada gratuita.

Palestra inaugural com Hugo Segawa

Dia 24 de maio, no Auditório Antônio Carlos Kraide, no MuMA, na Av. Rep. Argentina, 3.432, Portão, das 19 às 22h. Vagas limitadas. Faça sua inscrição aqui.

Palestra com Enrique Walker, diretor do programa de mestrado Advanced Architectural Design na Columbia University

Dia 26 de maio, no Cine Guarani, no MuMA, na Av. Rep. Argentina, 3.432, Portão, das 19 às 22h. Vagas limitadas. Faça sua inscrição aqui.

Palestra com Andrés Jaque, fundador do Office for Political Innovation e professor da Columbia University

27 de maio, no Centro Universitário Curitiba, na Rua Chile, 1.678, Rebouças, das 16 às 18 horas. Vagas limitadas. Faça sua inscrição aqui.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>