9:32A fazenda do Samek

Amigo do blog, curioso e venenoso, captou uma reportagem na RIC, afiliada da Rede Record do Bispo Edir Macedo, sobre a produção de resina de Pinus numa fazenda de 200 alqueires em Cerro Azul, na Região Metropolitana de Curitiba. O dono é Jorge Samek, que até recentemente era diretor geral da Itaipu, cargo que exerceu durante 13 anos. O município é conhecido como capital da produção de frutas cítricas do Paraná. Sobre a fazenda de Samek, a víbora disse que a área não corre risco de ser invadida pelo MST. Como se sabe, o proprietário é petista e amigo do ex-presidente Lula. Confiram: https://goo.gl/bWFTnV

3 ideias sobre “A fazenda do Samek

  1. Geral

    Que tal o MST ir no latifúndio petista Rancho do Vale com só 8 empregados e monocultivo:

    https://tv.viacampesina.org/Mulheres-do-MST-contra-monocultivo?lang=en

    http://g1.globo.com/pr/oeste-sudoeste/noticia/2016/03/mulheres-do-mst-destroem-12-milhao-de-mudas-da-araupel-no-parana.html

    http://g1.globo.com/pr/oeste-sudoeste/noticia/2016/03/integrantes-do-mst-invadem-mais-duas-areas-da-araupel-no-parana.html

    http://dc.clicrbs.com.br/sc/noticias/noticia/2016/06/mst-invade-area-de-pinus-na-floresta-nacional-de-chapeco-5834804.html?pagina=11

    http://g1.globo.com/bahia/noticia/2012/03/manifestantes-destroem-plantacao-de-eucalipto-no-sul-da-bahia-diz-mst.html

  2. Franco

    É … o tempo passou desde que esse senhor, junto com um outro “do Ártico” saiam por aí, dentro de uma brasilia velha cor creme, angariando gente para suas ocupações na ferrovila, botando fogo no circo de Lerner…
    Tomara que ele nunca tenha problema com invasores né?

  3. empresta o jatinho

    Estou com pena do Jorge Samek um militante do poder do império do pinus, este invasor de terras brasileiras, vinda do exterior – dos EUA e Canadá.
    Aqui não – invasão do MST lá.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>