11:12Jacob, o samurai

Do blog E TUDO ACABOU EM SFIHA, deGerson Guelmann

Uma vez um poderoso Imperador resolveu que precisava de um novo chefe Samurai.

Para contratar o funcionário, mandou colocar cartazes em todos os lugares, anunciando a vaga.

Passados dois meses, apenas três Samurais se candidataram ao trabalho: um japonês, um chinês e um judeu, Jacob.

O Imperador então chamou os três para uma entrevista.

Primeiro pediu ao japonês para demonstrar porque deveria ser admitido. 

O pretendente abriu uma pequena caixa de prata e dela voou uma mosca. Com sua espada, num gesto rápido, riscou o ar: “whoosh”! E a mosca caiu morta em duas partes.

O Imperador ficou impressionado.

Pediu então ao chinês que mostrasse porque acreditava que era capacitado ao trabalho. Ele abriu uma caixinha de pérolas e dela saiu uma mosca ainda menor. O chinês, espada na mão, cortou o ar em duas direções: “whoosh, whoosh”, e a mosca caiu no chão em quatro pedaços.

O imperador arregalou os olhos e chamou Jacob para que apresentasse sua técnica.

Jacob tinha uma caixinha de ouro, que abriu e também deixou sair uma vespa. Imediatamente ouviu-se o silvo da espada no ar: “whoooooossshhh, whoooooossshhh, whooooooossshhh, whoooooossshhh, whoooooossshhh”, mas… Ali estava a vespa, viva e zumbindo em torno do Imperador.

O Imperador ficou desapontado e perguntou a Jacob: – “Depois de toda essa encenação, porque a vespa não está morta?

E Jacob respondeu: – “A circuncisão nunca tem a intenção de matar”.

http://www.etudoacabouemsfiha.com.br/jacob-o-samurai/

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>