18:22Os órfãos

De Rogério Distéfano, no blog O Insulto Diário

Juntos desde a ditadura militar, união inabalável, imune a chuvas e enxurradas. Diferentes, óleo e água: ela de berço esplêndido, refinada, delicada no trato; ele, berço de engradados de cerveja, fraldas de sacos do velho Sal Cisne, tosco, grosso como cepo de açougue, subiu na vida enroscando pelo caminho.

Os dois opostos não só se atraíram como continuam ligados pela cláusula pétrea do amor. Marcados pela ditadura, ela, com orgulho, ainda se diz de esquerda; ele, desenxabido, inventou ser de centro-direita. Órfã de Lula, ela sempre a militante do grelo duro. Órfão de FHC, ele ainda o tucano do pinto mole.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>