15:24Atrás da cidadania libanesa

Do blog Paçoca com Cebola, de Claudio Osti

No mesmo momento em que o primo distante Luiz Abi Antoun apareceu com uma tosse irritante e desgastante no longínquo Vale do Bekaa, no Líbano, o irmão do ex-governador Beto Richa, foi fazer uma consulta ao Consulado do Líbano em São Paulo sobre os documentos da família Richa, que provariam sua descendência e a possibilidade de obter a cidadania – até então desprezada.Paciente, o Cônsul explicou que aqueles documentos de 60 anos atrás, apresentados por José Richa Filho, precisariam ser atualizados e remetidos pela Justiça e governo libanês. E não seria no prazo célere que o Pepe Richa desejava. Daí ele ter sumido por um tempo até as coisas esfriarem e sua prisão e acareação com Tony Garcia arrefecerem.

3 ideias sobre “Atrás da cidadania libanesa

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>