7:53Nós e as baleias

por Rogério Distéfano, no blog O Insulto Diário 

Na primeira entrevista como presidente interino, o vice Hamilton Mourãodeclara que o decreto de Jair Bolsonaro sobre armas foi promessa de campanha. Percebe-se o tom de diminuir, relativizando o problema, o que nos leva a pensar, mero exercício, pois será perda de tempo.

De um lado devemos agradecer pelo presidente que temos, homem que cumpre as promessas de campanha. De outro, lamentar pelo povo que somos, por eleger quem faz tal tipo de promessa. Significa que desejamos, precisamos ter e portar armas.

O reverendo Jim Jones era um político desses: interpretou o desejo de morrer de seus seguidores e os levou ao suicídio coletivo, ele incluso. O eleitor de Bolsonaro ainda lembra as baleias-piloto que a certa altura do trajeto perdem o senso de direção e morrem encalhadas na praia.

A explicação científica para a morte das baleias – com golfinhos, botos e cachalotes também acontece – é de que um dos animais do grupo perde o senso de direção e leva os demais à morte, ou a perda é coletiva ou da maioria. Como nas eleições plebiscitárias que levam ao desastre.

3 ideias sobre “Nós e as baleias

  1. Parreiras Rodrigues

    Os opositores ao reamamento leram apenas o cabeçalho do anúncio. A palavra obrigação não aparece no texto. Faculta-se apenas e mesmo assim, com uma série de pesadas exigências. O desarmamento – tenho recortes de jornais que me mostram entregando um 38 na caixa, que comprei para me livrar o vendedor – para o então secretário de Segurança, o meu ex-presidente de UPES, Cândido Manuel Martins de Oliveira. E bem antes da lei do desarme. Os opositores não atentam também que os tempos são outros. Neguim e branquim matam por um celular. Vou tratar de recomprar um berro. Neguim e branquim pensarão duas vezes antes de me roubar como fizeram uma vez na Tiradentes, outra no ponto de ônibus Raquel Prado-PUC e ainda outra na Rui Barbosa. “Vá que o véinho esteja armado também…”

  2. SERGIO SILVESTRE

    Ontem li um comentário de um sujeito que se diz ex-funcionário do o Globo e Folha de São Paulo acreditar que o dinheiro do Queiroz que foi repassado para o Bozinho e “movimentação acreditando que tudo é perseguição a família Bozo.
    Essa ai da baleia é mais ao menos que está acontecendo,a manada acompanha o sinueiro suicida que os leva para cair na ribanceira.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>