17:37Sangue e prisão

Pela declaração que deu sobre o uso das Forças Armadas para acabar com a greve dos caminhoneiros (“Ninguém vai conseguir tirar caminhoneiro, vai correr sangue“), José Fonseca Lopes, presidente da Abcam (Associação Brasileira dos Caminhoneiros), deveria ser preso para ficar quietinho.

Uma ideia sobre “Sangue e prisão

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>