12:21O PP responde à denúncia de compra de parlamentares

Nota enviada pelo PP

Sobre acusação de que o Progressistas fez cooptação de novos parlamentares, através de uma ação conjunta envolvendo liberação de recursos através do ministério da Saúde, a Legenda informa que:

A liberação de recursos para parlamentares, através do ministério da Saúde, é igual para todos os deputados, inclusive para oposição, pois trata-se de emendas impositivas que são pagas indistintamente. Portanto, não houve qualquer direcionamento do ministério favorecendo parlamentares somente da Legenda.

Lembrando que, durante a gestão do então ministro Ricardo Barros houve uma economia de mais de mais R$ 5 bilhões, através de uma gestão pautada na transparência e eficiência. Recursos esses que, foram reaplicados em mais saúde favorecendo todos os estados brasileiros, através de seus representantes, independente de partidos políticos.

O Progressistas afirma ainda que, o valor proposto na matéria de R$ 2,5 milhões destinado à parlamentares da Legenda não se trata de uma realidade. O valor que o Partido enviará aos seus candidatos para realização de campanhas eleitorais não foi decidido pela Comissão da Executiva Nacional, pois ainda será baixada uma Resolução estabelecendo critérios de valores.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>