19:28Investigações mostram gritante desequilíbrio

Por André Singer

Na segunda-feira, 17 de março de 2014, uma então desconhecida Operação Lava Jato prendia o doleiro Alberto Youssef. O assunto implicava muito dinheiro. Ao concluir o dia, a equipe de Curitiba tinha 80 mil páginas de documentos para analisar. Nos desdobramentos do caso surgiu o petrolão, envolvendo o PT.

Na quarta-feira, 19 de março de 2014, os leitores da Folha encontravam na Primeira Página o seguinte título: “Alstom pagou suborno de R$ 32 milhões, diz ex-executivo”. A notícia dava conta da colaboração de um dirigente do grupo francês com o Ministério Público de São Paulo. “O suborno, destinado a servidores e políticos do PSDB, equivale a 12,1% do valor do contrato de R$ 263 milhões”, escreviam os repórteres Mario Cesar Carvalho e Flávio Ferreira. Como se vê, bastante dinheiro também.

De lá para cá, uma das investigações se tornou a mais importante do mundo, segundo indicou a Transparência Internacional. Ao completar três anos, a Lava Jato contabilizava 38 fases, 198 prisões e 89 condenações. Ex-ministros importantes, como José Dirceu e Antonio Palocci, haviam sido presos. O tesoureiro do PT, acusado em inúmeros processos, continuava na cadeia. Dilma havia caído. Depois, Lula foi condenado.

Na outra investigação, que envolvia o PSDB, nada ocorreu. Passados quase quatro anos do início da Lava Jato, a Folha voltou a estampar, terça passada (19): “Odebrecht confessa cartel durante gestão tucana em SP”. “O esquema, de acordo com o material da empreiteira, operou de 2004 a 2015 em obras que custaram cerca de R$ 10 bilhões”, escreveu o repórter Julio Wiziack. As mesmas empreiteiras envolvidas no Petrolão, operando na mesma época, não suscitaram o mesmo interesse do Partido da Justiça.

Ao contrário do ocorrido com a nação petista, no tucanistão não houve sequer uma fase espetacular, dessas que têm nomes curiosos e geram centenas de minutos na TV. Não se conhece ninguém preso. Não há uma figura importante do peessedebismo que tenha sequer sido convidada a depor sobre o tema. Houve apenas a ação solitária de Joesley Batista, que ocasionou a temporária cassação de Aécio Neves, já revogada, e a prisão de sua irmã, também revogada.

*Publicado na Folha de S.Paulo

Não há como defender meios ilegais de financiamento político e muito menos justificar desvios de recursos públicos. Desde 2014 tenho escrito aqui que os partidos estão em débito com a opinião pública e a sociedade brasileira por não explicarem o que aconteceu e tomarem as medidas cabíveis. Mas não é possível, igualmente, aceitar que o rigor da lei recaia de um lado político só. O desequilíbrio do que aconteceu nos últimos quatro anos é mais do que evidente.

4 ideias sobre “Investigações mostram gritante desequilíbrio

  1. Carlos Ernandes

    Não consegue fazer autocrítica. Um cara que enxerga apenas um lado da moeda, aliás, como todos os petistas ..

  2. Sergio Silvestre

    Pois é,que me desculpem os blogueiros que teimam em acreditar em duendes e alguns leitores raivosos não se sabe por que tanto ódio contra o terra seca.
    Digamos que eu tenha 72 anos e uma vida que não deve chegar aos 80,mas tenho fortunas incalculáveis,digna de pontear a Forbes como muito dizem sou dono da FRIBOI,a maior do mundo ,tenho um jato de 100 milhões de dólares,um IATE,dezenas de fazendas,centenas de milhares de bois e muito dinheiro em paraísos fiscais.
    Se eu fosse o Lula ia correr de Ferrari ou lamborghini,pegar um amigo rico no Paraguai e o transformar em cônsul e viajar pelos balcãs e Russia,lotar um Iate com amigos e costear o Líbano ou ter a mordomia de cruzar os céus até São Paulo para curar uma joanete.
    Então gente, o Lula é o cara mais imbecil da face da Terra,com todo esse dinheiro ainda mora num apartamento de três quartos,pior que o meu e jogando bola em campinhos de pobres bebendo umas brabas com a escumalha suada.
    Sujeito burro né,eu queria nada com esse povo,eu estaria numa das ilhas dos mares do sul curtindo e morando numa mansão na Av FOCH em Paris.
    Muito burro esse governo Lulista onde deixou alguns de seus auxiliares pegar comissão de 1%,ai os tucanos olho grande se rebelaram,a comissão deles variava de 12% ate 20%,por isso o PT conseguia pegar algum e fazer muitas obras,ai eles resolveram pegar o poder a força.
    Entenderam raivosos como eu não acredito mais em nada,estou esperando o Dalagnol e o Moro estourar o caixa forte do Lula que deve estar em lugar incerto não sabido.
    Vamos ver até onde vai essa pantomima,essa falta de vergonha na cara desses brasileiros vendilhões,traidores e canalhas.

  3. TOLEDO

    Silvestre os curitibocas não são fáceis. Adoram o Piá de Prédio o que vomita qdo vê pobre. O Botox passageiro do Youssef. Quer mais , pense no Tony Garcia, Camundongo Junior da um Teatro Guaíra lotado de manes.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>