7:48No acidente, as fotos e o furo de reportagem do Polaco

História de um curitibano. No quase acidente com a delegação do Corinthians no Equador em maio de 1996, em Quito, o fotógrafo Orlando Kissner estava no avião que não conseguiu levantar vôo, saiu da pista, bateu num muro, partiu a fuselagem, teve um tanque de combustível rompido e só não pegou fogo por milagre. Não houve feridos. Repórter por natureza, o Polaco, como é conhecido, fotografou tudo de dentro e de fora do avião na hora do resgate. Telefonou para a redação do jornal O Estado de São Paulo relatando o acontecido e furando toda a imprensa nacional. Ele revelou que, no começo, não acreditaram na sua conversa. Achavam que era uma espécie de pegadinha, mesmo porque ele é um gozador de primeira. Logo se tocaram que o pavor causado era real.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>