17:47O radical Gustavo

porAyrton Baptista Junior, o Tusquinha: 

É compreensível o abatimento do prefeito. Mas pedir para cumprimentarmos o vizinho é de um radicalismo inaceitável.

CURITIBANO QUE SE PREZA NÃO CUMPRIMENTA O VIZINHO!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>